Avaliação dos Métodos Empregados no Programa Nacional de Combate ao Câncer do Colo Uterino do Ministério da Saúde

Avaliação dos Métodos Empregados no Programa Nacional de Combate ao Câncer do Colo Uterino do Ministério da Saúde

Título alternativo Evaluation of the Methods Employed by the National Program of Uterine Cervical Cancer Control of the Brazilian Health Ministry
Autor Roberto Neto, Alfredo Autor UNIFESP Google Scholar
Ribalta, Julisa Chamorro Lascasas Autor UNIFESP Google Scholar
Focchi, José Autor UNIFESP Google Scholar
Baracat, Edmund Chada Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo Purpose: to evaluate a populational sample of the screening proposed by the National Program of Uterine Cervical Cancer Control (PNCC), regarding the following issues: frequency of unsatisfactory cytologic results, cytologic frequency of atypical squamous or glandular cells of undetermined significance (ASCUS, AGCUS), low- or high-grade squamous intraepithelial lesions (SIL), comparing the cytologic results with anatomicopathological results of colposcopically directed biopsies. Methods: through the written, broadcasting television and oral midia, women between 35 and 49 years were requested to have a preventive cytopathological test, to be collected by the authorized public health or other institutions accredited by SUS. The slides were analyzed by the program-authorized laboratories and all those patients from the populational sample from the municipality of Naviraí in the State of Mato Grosso do Sul with cellular alterations were submitted to colposcopy and directed biopsy. Results: the frequency of cytologic alterations of the ASCUS, AGCUS and SIL types was 3.3%, an index that is close to that predicted by the PNCC (4%); the percentage of samples that were unsatisfactory for evaluation was high (12.5%); among the ASCUS, AGCUS or low grade-SIL patients, 27.3% presented intraepithelial lesions of a high grade in the anatomicopathological study; while patients with cytology compatible with high grade-SIL, the directed biopsy revealed that 12.5% presented low-grade intraepithelial lesions. Conclusions: the choice of oncological cytology as the only method for the screening in the program allowed high indexes of false-negatives (27.3%) and of false-positives (12.5%). In the screening of cervical neoplasms, colposcopy has shown to be an important and indispensable method to guide the therapeutical management to be adopted.

Objetivo: avaliar uma amostra populacional incluída no rastreamento proposto pelo Programa Nacional de Combate ao Câncer do Colo do Útero (PNCC), quanto aos seguintes aspectos: prevalência de resultados citológicos insatisfatórios; prevalência citológica de atipias escamosas e glandulares de significado indeterminado (ASCUS e AGUS) e lesões intra-epiteliais de baixo grau (LBG) e lesões intra-epiteliais de alto grau (LAG), comparando seus resultados com resultados anatomopatológicos de biópsias colposcopicamente dirigidas. Métodos: pela imprensa escrita, falada e televisionada, foram convocadas mulheres, com idade entre 35 e 49 anos, para realização de exames citopatológicos preventivos, a serem colhidos nas unidades da rede de saúde pública ou instituições credenciadas pelo SUS. As lâminas foram analisadas por laboratórios credenciados pelo PNCC, e as pacientes com alterações celulares da amostra populacional do Município de Naviraí/MS foram submetidas a exame colposcópico e biópsia dirigida. Resultados: a prevalência de alterações citológicas do tipo ASCUS, AGUS e lesões escamosas intra-epiteliais foi de 3,3%, índice próximo do previsto pelo PNCC (4%). O percentual de espécimes insatisfatórios para avaliação foi elevado (12,5%); das pacientes com resultados citológicos de ASCUS, AGUS ou LBG, 27,3% apresentavam neoplasia intra-epitelial de alto grau ao estudo anatomopatológico. Por outro lado, nas pacientes com citologia compatível com LAG a biópsia dirigida revelou, em 12,5% dos casos, neoplasia intra-epitelial de baixo grau. Conclusões: a escolha da citologia oncótica como método único de rastreamento no PNCC permitiu elevados índices de falso-negativos (27,3%) e de falso-positivos (12,5%). No rastreamento de neoplasias cervicais, a colposcopia mostrou-se procedimento importante e indispensável para nortear as condutas terapêuticas a serem adotadas.
Assunto Cervical cancer
Precancerous lesions
Cancer screening programs
Colo
Lesões pré-neoplásicas
Rastreamento para câncer
Colpocitologia
Idioma Português
Data 2001-05-01
Publicado em Revista Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia. Federação Brasileira das Sociedades de Ginecologia e Obstetrícia, v. 23, n. 4, p. 209-215, 2001.
ISSN 0100-7203 (Sherpa/Romeo)
Editor Federação Brasileira das Sociedades de Ginecologia e Obstetrícia
Extensão 209-215
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0100-72032001000400003
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0100-72032001000400003 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/1158

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S0100-72032001000400003.pdf
Tamanho: 208.8Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta