Avaliacao da infeccao pelo HCMV em individuos infectados pelo HIV-1 pela presenca de anticorpos especificos e pela antigenemia

Avaliacao da infeccao pelo HCMV em individuos infectados pelo HIV-1 pela presenca de anticorpos especificos e pela antigenemia

Autor Oliveira, Swami Cervone de Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Com o objetivo de estabelecer a frequencia da infeccao aguda / reagudizacao pelo HCMV em individuos infectados pelo HIV-1, bem como descrever as manifestacoes clinicas da doenca citomegalica em tal situacao, 37 pacientes portadores do retrovirus foram acompanhados entre abril de 1995 e outubro de 1996, cada qual por um periodo de 12 meses, no Centro de Controle de DefiCiências Imunologicas da Universidade Federal de São Paulo. Apresentando contagem inicial de celulas CD4 entre 50 e 250/mm3, os individuos foram submetidos a acompanhamento mensal, onde era colhido sangue periferico para a determinacao da antigenemia para o HCMV. A pesquisa de anticorpos especificos contra o mesmo agente foi feita pela fluorimetria, em frequencia bimensal. Obteve-se, durante o periodo de seguimento, 12 episodios de infeccao aguda / reagudizacao pelo HCMV no grupo estudado, sendo 2 episodios em um individuo e 1 episodio nos onze restantes. A fluorimetria fez o diagnostico de tal evento em dez ocasioes e a antigenemia, em duas. Houve 3 casos de doenca citomegalica no grupo estudado, correspondendo a 8% do total de individuos. Destes, 2 pacientes apresentaram esofagite e 1 apresentou doenca disseminada, com manifestacao neurologica. A antigenemia mostrou-se positiva em 2 dos 3 casos de doenca, contribuindo para o diagnostico etiologico. A negativacao da mesma correspondeu temporalmente a instituicao da terapeutica especifica em ambos os individuos. Concluiu-se, pelos dados apresentados, que a fluorimetria demonstrou-se um metodo util para o diagnostico da infeccao aguda / reagudizacao pelo HCMV na populacao estudada e que a antigenemia prestou-se ao diagnostico da doenca citomegalica no referido grupo, servindo-se a avaliacao da resposta ao tratamento especifico contra o herpesvirus. Por sua facilidade de execucao e pelos seus baixos custos, sugere-se, por fim, que a antigenemia seja usada rotineiramente como metodo diagnostico na suspeita de doenca citomegalica nos individuos portadores do HIV-1, em conjunto com criterios clinicos
Assunto Infecções por Citomegalovirus
HIV-1
Idioma Português
Data 1997
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1997. 96 p.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 96 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/15232

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta