Anatomia da arteria safena e seus ramos fascio-cutaneos

Anatomia da arteria safena e seus ramos fascio-cutaneos

Autor Simomoto, Pedro Luiz Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Foram realizadas 50 disseccoes em cadaveres frescos. A arteria safena foi observada em 96% dos casos, originando-se da arteria genicular descendente no canal dos adutores, com um diametro de 1,8 mm. Ultrapassando o teto do canal dos adutores, posicionava-se posteriormente ao nervo safeno e tinha como limite posterior o tendao dos adutores, antero-lateralmente o musculo vasto medial, seguindo junto a face posterior do musculo sartorio. Emitiu ramos anteriores e posteriores, sendo o primeiro ramo, na maioria das vezes, o anterior, a uma distancia de 4,0cm da origem. Chegando ao subcutaneo do terco proximal da perna, apos passar por baixo do tendao do musculo sartorio, com diametro de 0,7 cm, a uma distancia de 15,3 cm da origem. A sua origem foi no terco distal da coxa a uma distancia de 12,2 cm em relacao ao tibiale. A drenagem do seu territorio foi feita pela veias comitantes e veia safena magna. A inervacao foi provida pelo nervo safeno. As areas nutridas pela arteria safena foram as regioes postero-medial do terco distal da coxa e terco proximal da perna, o que permite a realizacao segura de retalho fascio-cutaneo desta regiao
Assunto Retalhos Cirúrgicos
Membro Posterior/irrigação sanguínea
Membro Posterior/anatomia & histologia
Dissecação/métodos
Idioma Português
Data 1997
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1997. 107 p.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 107 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/15268

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta