Avaliacao cintilografica e histopatologica de transplantes osseos autogenos, homogenos frescos e homogenos congelados do arco zigomatico

Avaliacao cintilografica e histopatologica de transplantes osseos autogenos, homogenos frescos e homogenos congelados do arco zigomatico

Autor Ferreira, Jose Carlos Ronche Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Estudou-se o comportamento de diferentes tipos de transplantes osseos do arco zigomatico em coelhos. Realizaram-se transplantes autogenos, homogenos frescos e homogenos congelados que foram submetidos as avaliacoes cintilografica e histopatologica em periodos pos-operatorios de duas, seis e 16 semanas. Os indices cintilograficos decresceram nos periodos mais tardios de avaliacao, o que tambem ocorreu com a atividade osteoblastica. A neoformacao ossea aumentou com o passar do tempo, assim como a viabilidade da medula ossea e a fusao das corticais do transplante com o leito receptor. Os transplantes homogenos congelados apresentaram comportamento semelhante ao dos transplantes autogenos, embora as respostas tenham sido de menor intensidade. Na fase tardia, os transplantes homogenos frescos apresentaram os maiores indices de atividade osteoclastica e queda brusca da atividade osteoblastica, sugerindo maior tendencia a absorcao. Concluiu-se que os transplantes homogenos congelados mantiveram sua capacidade de osteoinducao, o que justifica sua utilizacao clinica
Assunto Animais
Coelhos
Transplante Ósseo
Bancos de Ossos
Zigoma
Animais
Coelhos
Idioma Português
Data 1997
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1997. 128 p.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 128 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/15368

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta