Contaminacao bacteriana da bile apos coledoco-duodenostomia com ou sem ligadura da ampola hepatopancreatica

Contaminacao bacteriana da bile apos coledoco-duodenostomia com ou sem ligadura da ampola hepatopancreatica

Autor Silva, Carlos Alberto Justo da Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo As atuais controversias, sobre a coledoco-duodenostomia latero-lateral (CD L-L), estao relacionadas com as possiveis complicacoes tardias, principalmente a sindrome do coto coledocociano distal. Alem de se evitar a estenose da anastomose, a perviedade da ampola hepatopancreatica, parece ser fator importante na prevencao do aparecimento das complicacoes infecciosas apos CD-LL. Para avaliar qual a importancia da perviedade do coledoco distal na contaminacao bacteriana da via biliar principal apos CD-LL foram utilizados 21 caes adultos, da raca Beagle, fornecidos pelo Bioterio da (UFSC). Os animais foram divididos em 3 grupos, com 7 caes cada: Grupo 1 (controle) - Colecistectomia e cateterizacao do coledoco atraves do cistico. Grupo 2 - Coledoco-duodenostomia latero-lateral e colecistectomia com cateterizacao do coledoco atraves do cistico. Grupo 3 - Coledoco-duodenostomia latero-lateral, oclusao da ampola hepatopancreatica e colecistectomia com cateterizacao do coledoco atraves do cistico. Com 15, 30, e 60 dias os animais foram submetidos a estudos microbiologicos e colangiograficos. Os resultados mostraram que o modelo proposto para realizacao da CD-LL em caes, sem dilatacao previa da via biliar e viavel e nao determina estenose da anastomose. Ocorreu uma dilatacao do coledoco maior nos grupo 2 e 3 em relacao ao grupo 1, mas todas as anastomoses eram pervias. A CD-LL em caes levou ao aumento progressivo da contaminacao bacteriana da bile. Foram identificadas as bacterias Escherichia coli (53,2 %), Klebsiela (21,3 %), Enterococcus (13 %), Proteus (8,5 %) e Streptococcus fecalis (4 %). A oclusao da ampola hepatopancreatica aumenta a contaminacao bacteriana da bile
Assunto Anastomose Cirúrgica
Coledocostomia
Colangite
Idioma Português
Data 1997
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1997. 67 p.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 67 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/15370

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta