Embriogênese renal de ratos: participação das catepsinas S e H, correlação com fatores de crescimento

Embriogênese renal de ratos: participação das catepsinas S e H, correlação com fatores de crescimento

Título alternativo Embryonic kidneys of rats: participation of cathepsins S and H, correlation with growth factors
Autor Vattimo, Maria de Fatima Fernandes Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Santos, Oscar Fernando Pavão dos Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Durante o desenvolvimento renal muitas proteases sao secretadas nos ambientes intra e extracelular para participarem da remodelacao da matriz extracelular (MEC). A proteolise tem sido tambem relacionada a eventos estimulatorios e inibitorios determinados por fatores de crescimento durante a nefrogenese. Foram utilizados neste estudo tecnicas de cultura de rim embrionario, identificacao genica atravesdo metodo de PCR pela reverse transcriptase (rtPCR) e a cultura tridimensional de celulas em gel de colageno I. Observou-se que o desenvolvimento embrionario renal e fortemente afetado pelas catepsinas S e H que funcionam como mediadores da atividade de fatores de crescimento com o HGF, NGF e o TGF-b em mecanismo variavel do ponto de vista de dose e local de acao, assegurando alta especificidade destes polipeptideos durante os eventos de crescimento e diferenciacao. A expressao das catepsinas S e H durante o crescimento do rim embrionario varia de acordo com a idade gestacional do orgao, de tal forma que se observa expressao mais evidente destas enzimas em idades mais tardias para a catepsina S e mais precoce para a catepsina H, dando espaco para atuacao de outras mol[eculas estimuladoras de crescimento nas idades em que eslas estao ausentes. Os inibidores de cisteino-proteases E-64 e Leupeptin adicionados ao meio de cultura de rins embrionarios em cultivo determinou alteracoes significativas de crescimento naqueles orgaos. A aplicacao de modelos ja bem estabelecidos de tubulogenese, como a cultura de celulas MDCK e IMCD em gel de colageno tipo I, com meios tratados com os fatores de crescimento EGF e HGH isoladamente ou em associacao aos inibidores E-64 e Leupeptin foi providente na medida em se observou reducao significante na ramificacao induzida pelo HGF nos ensaios com o E-64 em ambas linhagens celulares. Diferentemente, o Leupeptin causou alteracao apenas na complexidade da ramificacao por provavel inibicao dos processos celulares. Este estudo sugere que, atraves das tecnicas de rtPCR, cultivo de orgao embrionario e modelo de nefrogenese com cultura tridimensional de celulas MDCK e IMCD, as catepsinas S e H estao fortemente envolvidas no evento de tubulogenese induzido por fatores de crecimento especificos
Assunto Rim/crescimento & desenvolvimento
Catepsinas
Substâncias de Crescimento
Kidney/growth & development
Cathepsins
Growth Substances
Idioma Português
Data 1998
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1998. 96 p.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 96 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/15681

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta