Congruencia entre o enfermeiro e o paciente com sindrome da imunodefiCiência adquirida quanto aos conceitos: percepcao de doenca e imagem corporal

Congruencia entre o enfermeiro e o paciente com sindrome da imunodefiCiência adquirida quanto aos conceitos: percepcao de doenca e imagem corporal

Título alternativo Congruence between the nurse and AIDS patient how much to the concepts: preception of disease and body image
Autor Repetto, Maria Angela Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo O numero de pessoas contaminadas pelo HIV no mundo tem se elevado de modo alarmante. Apesar dos tipos de tratamentos, a AIDS ainda e uma doenca incuravel. Assim, os pacientes com AIDS devem ser providos de cuidado de enfermagem nos aspectos fisicos, psicologico e social. A congruencia entre o enfermeiro e o paciente com AIDS em relacao a doenca e a imagem corporal do paciente e essencial para estabelecer metas mutuas e meios para alcanca-las. Tendo como base o referencial teorico de Imogene King o presente estudo foi realizado com o objetivo de identificar e comparar as percepcoes do enfermeiro e pacientes com AIDS, frente a doenca e, de ambos frente a imagem corporal do paciente. Os dados foram coletados utilizando a escala de Diferencial Semantico de Osgood, instrumento representado por adjetivos antonimos numa escala bipolar com sete intervalos. O instrumento incluiu 15 pares de adjetivos com cinco pertencentes a cada um dos fatores: avaliacao, potencia e atividade. Setenta e cinco sujeitos aceitaram participar do estudo: 30 enfermeiros que prestam assistencia a pacientes com AIDS, 30 enfermeiros que nao prestam assistencia a pacientes com AIDS e 15 pacientes com AIDS. O tratamento dos dados foi feito pelo calculo da media (X) e desvio padrao (DP) das respostas dos sujeitos; o diferencial semantico foi calculado com D (Distance Function) pela formula Dij=Oa dij2. A percepcao da doenca e a imagem corporal foram semelhantes negativas entre os tres grupos de sujeitos. A congruencia encontrada entre os enfermeiros e pacientes com AIDS investigados foi manifestada nas tres dimensoes: AIDS: fator avaliacao: ma, inutil, desagradavel e triste. fator potencia: profunda, pesada, grande e forte. fator atividade: mortal, dificil, nervosa e verdadeira. Imagem Corporal: fator avaliacao: trite. fator potencia: profunda e pesada. fator atividade: mortal e verdadeira. Os resultados encontrados neste estudo mostram a necessidade de estudos adicionais e a participacao de enfermeiros para estabelecer metas mutuas e determinar significados para qualidade de vida do paciente com AIDS e tambem aumentar sua expectativa de vida gerada pelo tratamento
Assunto Imagem Corporal
Síndrome de Imunodeficiência Adquirida
Percepção Social
Perfil de Impacto da Doença
Relações Enfermeiro-Paciente
Idioma Português
Data 1998
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1998. 99 p.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 99 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/15705

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta