Estudo comparativo das lesoes na pneumoconiose experimental em ratos com silica e granalha de escoria de cobre

Estudo comparativo das lesoes na pneumoconiose experimental em ratos com silica e granalha de escoria de cobre

Título alternativo Comparative study experimental pneucomiosis injuries in rats with silica and granalha de copper scories
Autor Bethlem, Eduardo Pamplona Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Jateamento de areia em processos abrasivos e amplamente utilizado em grande parte do mundo devido a sua alta relacao custo-beneficio. Entretanto, e causa geradora de siiicose pulmonar em sua forma acelerada. Entre as medidas de protecao contra o desenvolvimento da silicose esta a proibicao do uso de areia no jateamento. Diversas substancias sao usadas como substitutos da areia, com diferentes relacoes custo-beneficio. Alguns destes substitutos, como as diferentes granalhas de escorias (de cobre, de carvao, de niquel), tem sua acao biologica pouco estudada. No Estado do Rio de Janeiro, a lei numero 1979/92 proibiu o uso de areia seca em processos de jateamento, tendo sido proposta a utilizacao de granalha de escoria de cobre como substituto. A existencia de poucos estudos a respeito dos efeitos biologicos desta granaiha estimulou o presente trabalho. Nossos objetivos foram reafirmar o modelo de silicose experimental em ratos, desenvolvido na Disciplina de Pneumologia da Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (EPM-UNIFESP); usar este modelo para verificar as alteracoes produzidas pela granalha de escoria de cobre; comparar as alteracoes induzidas pelas duas substancias na bioquimica, na funcao pulmonar, na citologia do lavado broncoalveolar, na dosagem do colageno e na anatomopatologia e tambem verificar o comportamento do Fator de Necrose Tumoral (TNF) no lavado broncoalveolar, nos dois grupos. Foram utilizados 150 ratos adultos femeas da linhagem Wistar, que foram submetidos a instilacao intratraqueal de solucao salina a O,9 por cento pura (Grupo I), solucao de salina a O,9 por cento contendo granaiha (Grupo II) ou silica (Grupo [III) na diluicao de 3OOmg/ml na dose de l5Omg/Kg. Dez animais de cada grupo foram sacrificados, aos 03, 15, 30, 60 e 180 dias, sendo estudados os seguintes parametros: peso inicial (Pi), peso final (Pf) e relacao peso final/peso inicial X 100 dos animais (Pf/Pi por cento ); peso umido dos pulmoes (Pu) e sua relacao com o peso corporal final (PulPc); curva pressao-volume [PV (Capacidade Pulmonar Total - CPT, relacao CPT/Pc; Volume Residual Minimo em por cento de CPT - VRm; pressao de abertura - Pab; volume contido nos pulmoes nas pressoes transpuimonares de cinco - V5 - e de dez - V10 - cm de H2O; pressao transpulmonar com os pulmoes contendo 40 por cento da CPT - P40 e a morfologia das curvas)]; citologia do lavado broncoaiveoiar (LBA - celuladdade por mm 3 _ cels/mm3; celularidade ...(au)
Assunto Pneumoconiose
Silicose
Pneumopatias
Idioma Português
Data 1998
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1998. 160 p.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 160 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/15750

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta