Correlacao clinico-anatomo-patologica e imuno-histoquimica de marcadores de agressividade tumoral no osteossarcoma

Correlacao clinico-anatomo-patologica e imuno-histoquimica de marcadores de agressividade tumoral no osteossarcoma

Título alternativo Immunohistochemical and clinicopathological correlation of biological markers of aggressiveness in osteosarcoma
Autor Alves, Maria Teresa de Seixas Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Estudaram-se 60 osteossarcomas, discriminando-se: idade, sexo, localizacao, tamanho do tumor, tratamento cirurgico e quimioterapico, subtipo histologico com enfase na presenca do componente condroblastico, indice de atividade mitotica, anaplasia, quantidade de matriz extra-celular, grau nuclear, macronucleolos e necrose tumorai espontanea. Pelo metodo imunohistoquimico da estreptavidina-biotina-peroxidase pesquisou-se o p53 (clone DO7), o c-erbB-2 (anticorpo policlonal), a p-glicoproteina (clone C494) e o PCNA (clone PCIO). Tais parametros foram correlacionados entre si e com a evolucao clinica. Para analise das associacoes histologicas e imunohistoquimuicas utilizou-se o teste do Qui-quadrado de Pearson e o exato de Fisher. Fixou-se os seguintes eventos de interesse: obito, metastase ou ambos, que foram analisados utilizando-se o metodo de Kaplan-Meier. Para cada variavel foi feita uma curva e sua correlacao com os eventos feita atraves do teste de Log-Rank. Para analise dos dados quantitativos (idade em anos, indice de PCNA e indice de atividade mitotica) e sua correlacao com os eventos de interesse, utilizou-se o teste t de Student. Na nossa amostra 30 pacientes eram do sexo masculino e 30 do feminino, houve um predominio da 2a decada de vida, com 86,7 por cento dos casos em ossos longos. Houve imuno-expressao do p53 em 64,4 por cento dos tumores e do c-erbB-2 em 42,4 por cento a p-glicoproteina foi positiva em 45,0 por cento da amostra. O indice medio de PCNA foi 40,76 e a mediana 42,71. Houve correlacao estatistica entre os indices de PCNA e anaplasia, indices de PCNA e matriz extra-celular e imuno-expressao de p53 e c-erbB-2. Para o total de pacientes, com relacao aos eventos de interesse apenas o tamanho do tumor correlacionou-se a probabilidade de obito ou metastase. No grupo dos pacientes com metastases o procedimento cirurgico nao conservador correlacionou-se com maior frequencia ao obito
Assunto Osteossarcoma
Imuno-Histoquímica
Histologia
Prognóstico
Idioma Português
Data 1998
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1998. 184 p. ilustabgraf.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 184 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/16027

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta