Efeito do tempo total de circulacao extracorporea em cirurgia de revascularizacao miocardica sobre a perda urinaria de nitrogenio na forma de ureia

Efeito do tempo total de circulacao extracorporea em cirurgia de revascularizacao miocardica sobre a perda urinaria de nitrogenio na forma de ureia

Título alternativo Effect of total extracorporeal circulation time in miocardic revascularization surgery on urinary urea nitrogen loss
Autor Magnoni, Carlos Daniel Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo A circulacao extracorporea em cirurgia cardiaca pode ser comparada a um trauma cirurgico cirurgico mais intenso. Para verificar a influencia do uso de circulacao extracorporea sobre o catabolismo proteico, foram avaliados prospectivamente, cento e cinco pacientes submetidos a revascularizacao miocardica. Tais pacientes foram avaliados de acordo com sexo, idade, tempo de circulacao extracorporea e numero de enxertos realizados. No periodo pos operatorio imediato, o nitrogenio urinario na forma de ureia foi analisado por meio de metodo enzimatico. Analise estatistica (analise de correlacao e regressao linear multipla) foi efetuada. Sexo, idade e tempo de circulacao extracorporea nao se correlacionaram com a perda urinaria de nitrogenio, mas houve correlacao positiva com o maior numero de enxertos na revascularizacao. Em conclusao, o tempo de circulacao extracorporea nao influenciou a perda urinaria de nitrogenio. O numero de enxertos mais elevado proporcionou maior perda nitrogenada
Assunto Circulação Extracorpórea
Ureia
Coração
Idioma Português
Data 1998
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1998. 55 p. tab.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 55 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/16116

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta