Prevalencia da Leishmaniose tegumentar americana, a partir do teste de intradermorreacao especifica, em caes do municipio de Ilhabela, estado de São Paulo, Brasil

Prevalencia da Leishmaniose tegumentar americana, a partir do teste de intradermorreacao especifica, em caes do municipio de Ilhabela, estado de São Paulo, Brasil

Título alternativo Prevalence of American Tegumentar Leishmaniosis, starting from the specific test intradermic, in dogs of the municipal district of Ilhabela, State of São Paulo, Brazil
Autor Rodrigues, Vera Lucia Cortico Correa Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo O presente estudo tem por objetivo identificar a prevalencia da infeccao por Leishmaniose Tegumentar Americana ( LTA ) em caes na Ilha de Sao Sebastiao, municipio de Ilhabela. A partir de residencias com infeccao humana foram selecionadas moradias num raio de 50 metros da casa de referencia. Tendo sido identificados 156 caes, foi realizado um teste cutaneo (imunoleish de uso veterinario), ao lado da identificacao de sinais clinicos, da idade, procedencia, atividade, bem como, a presenca de infeccao humana no domicilio. Foi identificada uma prevalencia de LTA de 21,15 por cento por sinais clinicos, 35,36 por cento pelo teste intradermico especifico, sendo 44,59 por cento a infeccao total na amostra estudada. A relacao das variaveis estudadas com os resultados do teste intradermico apontaram para a maior positividade entre caes com idade maior de 4 anos, entre os caseiros ( embora esta diferenca, por relacao aos caes andejos, nao fosse estatisticamente significante) e, entre caes com sinais clinicos. Nao foi observada associacao estatisticamente significante entre positividade da reacao cutanea com a presenca de infeccao humana quando analisamos esta variavel isoladamente, para o conjunto da amostra. Porem, a coincidencia de positividade e presenca de humanos infectados foi observada entre caes com sinais clinicos, ou seja, na presenca de infeccao ativa. Levando em conta esta associacao, chamou a atencao, a coincidencia da positividade da reacao, a presenca de casos humanos nas respectivas residencias entre caes com menos de 4 anos de idade, relacao esta, relativizada no caso dos caes andejos. O estudo evidenciou a presenca de infeccao entre os caes investigados, ressaltando a importancia de sua presenca como elemento de manutencao da zoonose na regiao
Assunto Leishmaniose Cutânea
Leishmaniose Tegumentar Difusa
Leishmania braziliensis
Testes Intradérmicos
Epidemiologia
Idioma Português
Data 1999
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1999. 127 p. ilus., mapas., tab.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 127 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/16196

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta