Percepcao e praticas alimentares de individuos adultos com diabetes mellitus

Percepcao e praticas alimentares de individuos adultos com diabetes mellitus

Título alternativo Perception and alimentary practices of the adults individuals with diabetes mellitus
Autor Mello, Adriana Lima Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivando avaliar a percepcao da alimentacao e as praticas alimentares de individuos com diabetes, foram analisados 234 pacientes de ambos os sexos com idade igual ou superior a 25 anos, atendidos no Centro de Diabetes da Universidade Federal de São Paulo - Escola Paulista de Medicina. Foi utilizada a tecnica de entrevista individual estruturada por meio de questionario, visando colher dados pessoais, dados socioeconomicos, conhecimento sobre diabetes e sobre alimentacao e praticas alimentares. O inquerito alimentar por meio do recordatorio de 24 horas foi realizado em uma subamostra de 189 individuos. Foram acrescidas informacoes do prontuario do entrevistado, com relacao ao tipo e presenca de complicacoes do diabetes e/ou outros diagnosticos, tempo de diagnostico, terapeutica medicamentosa instituida e dados de peso e altura para o diagnostico de obesidade e sobrepeso, segundo o indice de Massa Corporea. A analise estatistica foi realizada por meio do software Epi-Info 6.02. O perfil sociodemograflco da populacao estudada caracterizou-se por baixa escolaridade e baixa renda. O conhecimento sobre o diabetes revelou que a maioria dos entrevistados nao sabe referir a causa de sua doenca. Porem, quanto ao tratamento, reconhecem a necessidade da terapeutica nutricional e o controle da enfermidade. A consulta medica apareceu como a fonte de informacao mais relatada sobre o diabetes. A percepcao da alimentacao revelou insufiCiência nos conhecimentos, levando a adocao de conceitos alimentares infundados. A populacao estudada desconhece a possibilidade do uso de determinados alimentos e como melhor utiliza-los nas refeicoes, visando otimizar o controle da doenca. Seus conhecimentos, portanto, baseiam-se em proibicoes traduzidas pelo pode e nao pode. Estas restricoes puderam ser observadas em sua pratica alimentar, em que os carboidratos da dieta apresentaram-se abaixo do limite inferior das recomendacoes, para a maior parte dos individuos da amostra. Por outro lado, as proteinas e lipidios situaram-se acima do limite superior das recomendacoes, revelando tambem inadequacao quanto a sua ingestao. O Valor Energetico Total da dieta, para os individuos com o peso acima do normal, apresentou valores acima do limite superior de adequacao, e o inverso foi observado nos individuos eutroficos. Nao so os conhecimentos sobre alimentacao como tambem a pratica alimentar da populacao estudada ...(au)
Assunto Diabetes Mellitus
Percepção
Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde
Inquéritos sobre Dietas
Idioma Português
Data 1999
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1999. 94 p. mapastabgraf.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 94 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/16470

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta