Adenocarcinoma renal: analise da invasao vascular microscopica como fator prognostico em pacientes submetidos a tratamento cirurgico

Adenocarcinoma renal: analise da invasao vascular microscopica como fator prognostico em pacientes submetidos a tratamento cirurgico

Título alternativo Renal adenocarcinoma: analysis of microscopic vascular invasion as prognostic factor in patients submitted to surgical treatment
Autor Goncalves, Pierre Damiao Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo O carcinoma de celulas renais constitui-se numa patologia cujo comportamento clinico e muitas vezes imprevisivel, onde a pesquisa de fatores prognosticos toma-se de grande valia. Este estudo retrospectivo procurou analisar a importancia da invasao celular microscopica na progressao da doenca e sobrevida dos pacientes submetidos a tratamento cirurgico, correlacionando-a com outros parametros prognosticos. Foram analisados 95 pacientes, com idade entre 8 e 81 anos (media 59 anos), portadores de adenocarcinoma renal clinicamente localizado, submetidos a nefrectomia radical e/ou cirurgia renal conservadora com seguimento medio de 33 meses. Estudou-se, atraves de analise univariada e multivariada, o impacto causado pela presenca de invasao microvascular na evolucao clinica da doenca, correlacionando-a com a extensao do tumor, o grau nuclear e o tipo celular. Observou-se presenca de invasao vascular microscopica em 24 pacientes (25 por cento), dos quais 50 por cento desenvolveram progressao da doenca. Dentre os 71 pacientes sem invasao microvascular, somente quatro (5,6 por cento) apresentaram progressao. Quando se correlacionou a invasao microvascular com os demais parametros histologicos, verificou-se associacao estatistica significante (p<O,OOl) com o tamanho do tumor, o comprometimento da gordura perirrenal, o envolvimento dos linfonodos, a presenca de invasao vascular macroscopica, o grau nuclear, e tambem naqueles com padrao celular sarcomatoso. Na analise multivariada, a presenca de invasao vascular microscopica e o comprometimento dos linfonodos, revelaram-se como importantes indices para justificar a progressao da doenca. Com relacao a sobrevida relacionada ao cancer, a invasao microvascular e o envolvimento da gordura perirrenal, foram os fatores relacionados, de maneira independente, com a ocorrencia do obito. Concluimos que a evolucao clinica dos pacientes com o adenocarcinoma renal encontra-se relacionada a multiplos fatores prognosticos, onde a presenca de invasao vascular microscopica revelou-se de particular importancia na progressao da doenca e sobrevida dos pacientes submetidos a tratamento cirurgico
Assunto Adenocarcinoma
Prognóstico
Neoplasias Renais
Idioma Português
Data 1999
Publicado em São Paulo: [s.n.], 1999. 68 p. ilustabgraf.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 68 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/16603

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta