Estudo histologico das particulas medulares obtidas por puncao aspirativa de medula ossea e sua importacia clinica

Estudo histologico das particulas medulares obtidas por puncao aspirativa de medula ossea e sua importacia clinica

Título alternativo Histological study of the marrow particles obtained by bonr marrow aspiration puncture and itis clinical importance
Autor Rosenfeld, Ricardo Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo A medula ossea hematopoeica e composta por um parenquima mieloide e linfoide sustentado por uma trama de celulas estromais e seu produtos, onde um micro-ambiente propicio se forma para a maturacao d granulocitos, eritroblastos e megacariocitos e producao dos leucocitos, hemacias e plaquetas do sangue. A avaliacao da medula ossea e realizada atraves de um exame citologico chamado de mielograma, apos a aspiracao das particulas medulares e sangue, e atraves de um exame histologico chamado de biopsia de medula ossea, apos a remocao de um fragmento osseo. Frequentemente, as informacoes do mielograma e da biopsia se somam para um diagnostico mais preciso. Uma tecnica intermediaria de avaliacao de medula ossea, o corte de particulas medulares, utiliza a puncao aspirativa do mielograma e o processamento histologico da biopsia na tentativa de obter informacoes igualmente precisas de celularidade, quantidade de ferro medular e diagnosticos de lesoes medulares localizadas, como, por exemplo, granulomas, infiltrados linfomatosos, metastases e nodulos plasmocitarios. O presente trabalho estudou vinte casos de pacientes em investigacao hematologica com indicacao de mielograma, realizando um estudo histologico dos cortes de particulas medulares. Foram utilizadas as coloracoes de hematoxilina-eosina, de Giemsa, do azul da Prussia para ferro e a impregnacao pela prata das fibras reticulinicas, comparando, entre outros dados morfologicos, a celularidade e o ferro medular do corte de particulas medulares com o mielograma. As particulas medulares foram obtidas pela mesma puncao aspirativa do mielograma e processadas por duas tecnicas: a filtracao (3 casos) e o clot section (l7 casos) - seguidas do processamento histologico usual apos fixacao com B-5 sem a necessidade de descalcificacao. Observamos que os cortes de particulas medulares preservam a morfologia histologica permitindo a comparacao com o mielograma. A celularidade nao demonstrou correlacao, provavelmente devido a diluicao por sangue do mielograma, que subestimou a celularidade. A hemossiderina demonstrou boa correlacao (p < O,01). Outros achados medulares tiveram concordancia geral de 60 por cento, quando comparados o corte de particulas medulares e o mielograma. A reticulina, avaliada pelo corte de particulas medulares, foi normal em 7 casos e aumentada em 7 casos. Em quatro casos selecionados e discutidos, pudemos observar a importancia clinica do corte de ...(au)
Assunto Medula Óssea/anatomia & histologia
Medula Óssea/patologia
Exame de Medula Óssea/métodos
Idioma Português
Data 2000
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2000. 71 p. ilustabgraf.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 71 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/16649

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta