Efeitos da eletroacupuntura nos pontos E-36 (zusanli) e BP-6 (Sanyinjiao) sobre o desenvolvimento do edemia inflamatorio agudo induzido por carragenina, em ratos

Efeitos da eletroacupuntura nos pontos E-36 (zusanli) e BP-6 (Sanyinjiao) sobre o desenvolvimento do edemia inflamatorio agudo induzido por carragenina, em ratos

Título alternativo Effect of the electro-acupunture on ST-36 (zusanli) and BP-6 (sanyinjiao) on acute inflammatory oedema development induced by carrageenan in rats
Autor Yabuta, Marcia Mieko Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo O processo inflamatorio tem sido alvo de grande investigacao pelo seu envolvimento na fisiopatologia de diversas doencas. E, a acupuntura, muito divulgada por sua acao analgesica, tem sido, nos ultimos anos, bastante utilizada na clinica, no tratamento de varias doencas inflamatorias. Alguns estudos experimentais tem tentado decifrar o mecanismo de acao antiinflamatorio da acupuntura. Neste sentido, o objetivo do presente estudo foi verificar o efeito da eletroacupuntura no desenvolvimento do edema agudo, em pata de rato, induzido por carragenina. Ratos Wistar (200-250 g) foram divididos em 4 grupos: Controle (C), Imobilizado (I), Nao Ponto (NP) e Ponto (P). O volume da pata, ate a articulacao tibio-tarsal, foi inicialmente determinado em pletismometro; em seguida, os animais dos grupos I, NP e P foram imobilizados e submetidos a eletroacupuntura. Inicialmente, verificamos que a imobilizacao nos animais previamente anestesiados com pentobarbital sodico, nao alterou o desenvolvimento do edema, nem os niveis plasmaticos de corticosterona ou fibrinogenio, o que determinou a escolha do grupo I para controle dos grupos P e NP. A seguir, verificamos que a eletroestimulacao dos pontos E-36 (Zusanli) - V (Van Nghi) e BP-6 (Sanyinjiao), com l mV de intensidade e 10 Hz de frequencia nao provocou diferencas significativas no desenvolvimento do edema de pata induzido por O,3 mg de carragenina. Os niveis plasmaticos de fibrinogenio e corticosterona tambem nao foram diferentes entre os grupos P, NP e 1. Diminuindo o estimulo de carragenina para O, 1 mg e aumentando a frequencia para 50 Hz, observamos efeito antiinflamatorio da eletroacupuntura, quando o ponto E-36 (Zusanli)-Y (Ysao) foi utilizado no lugar do ponto E-36 (Zusanli)-V. Nesses animais, os niveis de corticosterona plasmatica nao estavam alterados 2 h apos a injecao de carragenina e tratamento com eletroacupuntura. Entretanto, quando os animais eram adrenalectomizados ou tratados com reserpina, a eletroacupuntura nao apresentava efeito, demonstrando a importancia da presenca da glandula adrenal e particularmente das catecolaminas para o efeito antiinflamatorio da acupuntura. Nos animais onde a eletroacupuntura diminuiu o desenvolvimento do edema, a partir das 2cl hora apos a carragenina, observamos que os niveis plasmaticos de adrenalina estavam diminuidos em relacao ao grupo NP, demonstrando que um dos mecanismos de acao...(au)
Assunto Inflamação
Acupuntura
Catecolaminas
Corticosteroides
Carragenina
Idioma Português
Data 2000
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2000. 99 p. ilustabgraf.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 99 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/16726

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta