Alterações da cognição apospalidotomia para tratamento da doença de Parkinson

Alterações da cognição apospalidotomia para tratamento da doença de Parkinson

Título alternativo Alteration of cognition after pallidotomy for treatment of Patkinson's disease
Autor Rocha, Maria Sheila Guimarães Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Ferraz, Henrique Ballalai Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Nos ultimos anos assistimos ao ressurgimento mundial da palidotomia como opcao terapeutica para os pacientes parkinsonianos, em consequencia de um crescente desanimo frente a progressiva perda de eficacia clinica do tratamento medicamentoso conservador e as dificuldades com os seus efeitos colaterais. Os resultados obtidos nao deixam duvidas quanto a eficacia do procedimento para melhorar a atividade motora do paciente parkinsoniano e para a reducao das discinesias associadas ao uso da levodopa. No entanto, nao estao bem definidas as sequelas cognitivas que podem advir desta cirurgia, considerando a participacao dos nucleos da base no processamento de diversas atividades cognitivas, atraves da integracao com os lobos frontais via circuitos fronto-subcorticais. Com o objetivo de determinar quais as sequelas cognitivas relacionadas a este procedimento cirurgico, realizamos estudo neuropsicologico evolutivo de 20 pacientes submetidos a palidotomia unilateral ou bilateral simultanea. Foram aplicadas escalas funcionais e de estadiamento da doenca de Parkinson, escala para deteccao de depressao, e utilizados testes neuropsicologicos visando detectar mudancas na atencao, linguagem, memoria, flexibilidade cognitiva, integracao visuomotora e formacao de conceitos. As escalas e os testes foram aplicados no periodo pre-operatorio, apos dez dias da cirurgia e no terceiro mes do pos-operatorio. Atraves da analise dos nossos dados, podemos comprovar o efeito benefico da palidotomia sobre a atividade motora do paciente, a medida que houve melhora acentuada de todos os indices nas escalas neurologicas utilizadas para medir a capacidade motora dos pacientes. Observamos ainda efeito benefico da palidotomia sobre o humor dos pacientes, evidenciada pela queda no escore da escala de depressao, e provavelmente associada a melhora da qualidade de vida adquirida com a melhor atividade motora que a cirurgia propicia, A sequela cognitiva persistente esteve associada a area da linguagem e ocorreu nos pacientes submetidos a palidotomia bilateral simultanea. Alteracoes transitorias das funcoes cognitivas ocorreram tanto com a palidotomia direita, dificuldade de realizar calculos, como com a palidotomia esquerda, cujos pacientes apresentaram reducao da fluencia verbal. Paralelamente aos deficits cognitivos citados, observamos melhora, a medio prazo, da capacidade de integracao vlsuomotora e espacial dos pacientes. Consideramos a palidotomia unilateral um...(au)
Assunto Doença de Parkinson/terapia
Cognição
Globo pálido/cirurgia
Idioma Português
Data 2000
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2000. 146 p. ilustab.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 146 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/16824

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta