Tubo de ventilação timpânico em pacientes com fissura palatina

Tubo de ventilação timpânico em pacientes com fissura palatina

Título alternativo Tympanic ventilation tube in patients with cleft palate
Autor Morales, Douglas Salmazo Rocha Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Fukuda, Yotaka Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Pacientes com fissura labiopalatina apresentam varias Molestias de ouvido, nariz e garganta. A presenca de O.M.S. e considerada quase universal, em pacientes com fissura de palato. A fissura pode ser classificada, em relacao ao forame incisivo m : preforame, transforame e posforame. A O.M.S. atinge mais os rupos F.T. e F.P.F.. Pacientes com fissura sao tratados por equipe multidisciplinar; desta forma o cirurgiao plastico realiza a palatoplastia o otorrinolaringologista, quando o problema e O.M.S, realiza a limpanotomia com colocacao de tubo de ventilacao de media duracao. Este estudo observa o tempo de permanencia do tubo de ventilacao em pacientes com fissura. Foram observados 82 pacientes (l64 orelhas) com fissura F.T.D., F.T.E., F.T.B. e F,P.F.), podendo estar com ou sem correcao do palato (palatoplastia). Foram empregados testes estatisticos para comparar os diversos subgrupos (Kruskal- Wallis, Whitney e Wilcoxon). Pacientes com fissura (F.T. e F.P.F.) que foram submetidos a palatoplastia apresentaram o tempo de permanencia do tubo de ventilacao menor com relacao aos sem palatoplastia. Quando analisado o tempo de permanencia do tubo em relacao a F.T.U., I ,homolaterais e contralaterais nao apresentam diferenca estatisticamente significativas. Comparando-se F.T.B. e F.T.U., observou-se que, em media, o tempo de permanencia e superior para grupo F.T.B. (com e sem palatoplastia). Confrontando-se os grupos r. e F.P.F., a media do tempo de permanencia foi maior para o grupo F.P.F.(com e sem palatoplastia).Pode-se observar que o tempo de permanencia do tubo de ventilacao na membrana timpanica esta relacionado ao processo inflamatorio local; desta forma existe eventos que podem facilitar ou inibir o processo inflamatorio: a colocacao de tubo de ventilacao, permite a drenagem de efusao (cronica) da cavidade timpanica: a palatoplastia permite um mecanismo de abertura ativa do tuba auditiva aumentando a luz desta, devido a acao dos musculos tensor e elevador do veu palatino: a manipulacao local poderia levar (de maneira aguda) a um processo inflamatorio local, assim como a infeccao cirurgica, explicando os casos de mais rapida eliminacao do tubo. Pacientes com fissuras mais amplas nao apresentavam estase de secrecao em rinofaringe, ate antes da palatoplastia. O tempo de duracao do tubo de ventilacao timpanico (de media duracao) tipo Armstrong em pacientes com fissura (F.T.D.,...(au)
Assunto Ventilação da orelha média
Otite média com derrame
Fissura palatina
Idioma Português
Data 2000
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2000. 91 p. ilustab.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 91 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/16860

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta