Efeitos da pfaffia glomerata (Sprengel) pedersen-amarathaceae sobre a capacidade funcional cardio-respiratória e metabólica de indivíduos do sexo masculino, com idade entre 50 e 75 anos, desportistas e não desportistas

Efeitos da pfaffia glomerata (Sprengel) pedersen-amarathaceae sobre a capacidade funcional cardio-respiratória e metabólica de indivíduos do sexo masculino, com idade entre 50 e 75 anos, desportistas e não desportistas

Título alternativo Effects the pfaffia glomerata(Sprengel) pederson-amarenthacea over the functional cardiorespiratory and metabolic in males volunteers aged between 50 and 75 years old, sportsmen and non sportsmen
Autor Danucalov, Marcello Arias Dias Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Silva, Antonio Carlos da Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Plantas brasileiras conhecidas como adaptogenas, tem sido utilizadas principalmente por pessoas idosas, com o objetivo de melhorar a capacidade organica como um todo, tais como a capacidade cardiovascular, respiratoria, imunologica, entre outras. No presente estudo, nos investigamos os efeitos de uma planta adaptogena brasileira, a Pfaffza glomerata sobre a capacidade funcional cardiorrespiratoria e metabolica no exercicio. Trinta e seis voluntarios homens, com idade entre 50 e 75 anos, foram divididos em 4 grupos: grupo I - nao desportistas/placebo (N=10), grupo 2 - nao desportistas/Pfaffia (N=10), grupo 3 - desportistas/placebo (N=8) e grupo 4 - desportistas/Pfaffza (N=8). Por um periodo de 6 meses, em um esquema duplo-cego, submeteram-se os voluntarios a inGestão de 600 mg do extrato seco da Pfaffia ou 1000 mg da substancia utilizada como placebo (acucar mascavo). Variaveis metabolicas e ventilatorias foram coletadas atraves de teste ergoespirometrico. A lactacidemia do exercicio e a viscosidade sanguinea tambem foram monitoradas na fase inicial e final do tratamento. Os dados colhidos no estudo foram analisados atraves da Analise de Variancia de dois fatores (tratamento e tempo), sendo o nivel de rejeicao da hipotese de nulidade fixado em 5 por cento. A capacidade de trabalho prolongado, estimada atraves do limiar anaerobio ventilatorio II, foi melhorada com o tratamento com a Pfaffza glomerata nos individuos nao desportistas, entretanto, o tratamento nao produziu modificacoes nos parametros da lactacidemia do exercicio e na viscosidade sanguinea. Alem disso foi detectada uma aparente reducao da economia de movimento em individuos de meia idade desportistas, nas intensidades de exercicio correspondentes ao limiar anaerobio ventilatorio II e ao VO2max, apos tratamento com a Pfaffia glomerata. Em vista disso, a ampliacao da metodologia empregada nas pesquisas com os fitoterapicos, de forma a torna-la mais compativel com a necessidade vigente, sera muito bem vinda
Assunto Estresse Fisiológico
Exercício
Plantas Medicinais
Ácido Láctico
Viscosidade Sanguínea
Idioma Português
Data 2000
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2000. 196 p. tab.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 196 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/16914

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta