Aspectos morfológicos, citoquímicos ultra-estruturais e citoquímicos ultra-estruturais de células do sistema hematopoético de Caiman crocodilus yacare(Daudin, 1802) (Reptilia, Crocodilia)

Aspectos morfológicos, citoquímicos ultra-estruturais e citoquímicos ultra-estruturais de células do sistema hematopoético de Caiman crocodilus yacare(Daudin, 1802) (Reptilia, Crocodilia)

Título alternativo Morphological, cytochemical, ultrastructural and cytochemical-ultrastructural aspects of cells of hematopoetic system in Caiman crocodilus yacare (Daudin, 1802)(Reptilia, Crocodilia
Autor Moura, Weber Leal de Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Yamamoto, Mihoko Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Com o objetivo de estudar o sistema hematopoético do réptil da espécie Caiman crocodilus yacare, foram utilizados cinco exemplares hígidos e jovens (aproximadamente um ano de idade), provenientes de São Paulo e de Mato Grosso do Sul. Amostras de sangue periférico foram colhidas em EDTA, através da punção do seio venoso cervical, e da medula óssea pela punção aspirativa do osso femural. Estudo histológico da medula óssea femural foi realizado em um animal, através da coloração em HE, Giemsa e pela técnica de Gomori para fibras reticulínicas. Os esfregaços de sangue e de medula foram processados para coloração panótica (Leishman ou Rosenfeld) e reações citoquímicas para fosfatase alcalina, peroxidase e azul de toluidina. O material de medula óssea foi também processado para estudo ultra-estrutural em Microscopia Eletrônica de Transmissão, pelo método clássico e com o emprego de reações citoquímicas (fosfatase alcalina e peroxidase). A presença de sítios hematopoéticos ativos foi demonstrada histologicamente nos cortes transversais do fêmur, principalmente no seu terço distal. As células leucocitárias imaturas foram localizadas no espaço extravascular da região subendosteal, enquanto as da linhagem eritrocítica foram encontradas dentro dos vasos capilares sinusóides medulares, na região central do osso. As células precursoras desta linhagem estavam aderidas à parede do vaso, e suas sucessoras distribuídas em direção ao centro do sinusóide à medida que amadureciam. Nos esfregaços de medula, as células imaturas da linhagem eritrocítica mostraram-se arredondadas e com núcleo predominantemente frouxo, em contraposição às células maduras, de núcleo condensado e forma em geral elíptica. Foram vistos pró-eritroblastos, eritroblastos basofilicos, policromáticos e ortocromáticos, e finalmente eritrócitos. As células precursoras da linhagem granulocítica foram grandes e diminuíam progressivamente com a diferenciação. Os grânulos específicos surgiram a partir da fase de mielócito inicial, aumentando com a maturação celular. O núcleo foi excêntrico e de cromatina frouxa nas fases mais imaturas, tomando-se esférico com o avançar da diferenciação no caso do eosimófilo e do heterófilo, porém ocupando posição central no basófllo. Os heterófilos, contendo grânulos de coloração em geral salmão, foram positivos para a fosfatase alcalina e para a mieloperoxidase a partir da...(au).
Assunto Sistema hematopoético
Morfologia
Idioma Português
Data 2000
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2000. 125 p. ilus.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 125 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17039

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta