Distribuição das subpopulações de linfócitos T de sangue periférico após infecção e doença causada pelo Mycobacterium tuberculosis

Distribuição das subpopulações de linfócitos T de sangue periférico após infecção e doença causada pelo Mycobacterium tuberculosis

Título alternativo Peripheral blood T lymphocytes characterization after infecction and disease caused by Mycobacterium tuberculosis
Autor Rodrigues, Denise do Socorro da Silva Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Salomão, Reinaldo Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Considera-se que a resposta imunologica celular apos a infeccao pelo M. tuberculosis e mediada principalmente por linfocitos T. Varios estudos tem demonstrado uma associacao da tuberculose com um acentuado grau de defiCiência imunologica. No conduzimos o presente estudo para avaliar a distribuicao de diferentes subtipos de linfocitos T na infeccao pelo M. tuberculosis tanto antes como apos a terapia, utilizando a analise multiparametrica por citometria de fluxo. As amostras de sangue tratadas com EDTA foram obtidas de 74 voluntarios. Foi identificado o numero absoluto de linfocitos T CD4+ e T CD8+ perifericos, bem como os fenotipos de ativacao, memoria, efetor e precursor, usando combinacoes de anticorpos monoclonais (CD38, HLA-DR, CD45RA e CD27). As amostras foram analisadas utilizando citometro FACSCalibur e o software CellQuest (Becton Dickinson). Os individuos incluidos no estudo foram divididos em cinco grupos: O primeiro grupo consistiu de 18 voluntarios saudaveis, sem historia previa de exposicao a tuberculose, com ausencia de reacao cutanea tardia ao teste tuberculinico (PPD). O segundo grupo consistiu de 18 individuos saudaveis com conversao recente ao PPD e sem historia de vacinacao pelo BCG nos ultimos 10 anos. O terceiro grupo foi formado por 20 pacientes com diagnostico clinico e bacteriologico de infeccao tuberculose pulmonar, o quarto grupo consistiu de 15 pacientes com historia pregressa de tuberculose pulmonar e que receberam alta por cura apos o tratamento com drogas anti-tuberculosas. O ultimo grupo foi formado por tres pacientes com infeccao tuberculosa disseminada. A contagem de linfocitos T CD4+ apresentou diferenca entre os cinco grupos pelo teste de Kruskal-Wallis(p=0.0009). Apos a analise comparativa pelo teste de Bonferroni, observam que o grupo com individu PPD negativo apresentou valores mais altos de linfocitos T CD4+ que os grupos com tuberculose pulmonar e disseminada (p<0,05) A contagem de linfocitos T CD4+ do com tuberculose tratada foi similar ao controle. Apos analisarmos as sub-populacoes de linfocitos T CD4+ percursores, memoria e efetores observamos que os valores mais altos de linfocitos T foram encontrados no grupo PPD negativo, enquanto que os individuos com tuberculose disseminada e localizada mostram uma queda global das sub-populacoes de linfocitos T CD4+. As contagens de linfocitos T CD8+ tambem foram diferentes entre os cinco grupos(p=<0.0001). O valor mais alto de linfocitos T CD8+...(au)
Assunto Mycobacterium tuberculosis
Tuberculose
Linfócitos T
Citometria de fluxo
Antígenos de superfície
Idioma Português
Data 2001
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2001. 139 p. ilustabgraf.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 139 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17170

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta