Avaliação da qualidade do programa de imunização do município de Vinhedo - SP

Avaliação da qualidade do programa de imunização do município de Vinhedo - SP

Título alternativo Imunization programm quality assessment in Vinhedo/SP
Autor Escobar, Eulalia Maria Aparecida Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Adami, Nilce Piva Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Este estudo descritivo objetivou avaliar a qualidade do Programa de Imunizacao do municipio de Vinhedo - SP, por meio da abordagens de estrutura, processo e resultados propostos por DONABEDIAN (l980). Para a avaliacao da estrutura foram analisados a area fisica, os recursos materiais e humanos referentes a este Programa, tanto na unidade central como e em cinco unidades basicas de Saúde do Departamento de Higiene e Saúde Publica, e quanto ao processo foram analisados os procedimentos relativos a rede de frio nestes mesmos locais. Para tanto foram utilizadas a observacao simples e a sistematica nao participante, sendo os resultados comparados com os criterios de qualidade estabelecidos mediante consulta a documentos oficiais. Na avaliacao de resultados, foram identificadas as coberturas vacinais do BCG ID, DPT, VPO e contra-sarampo em 687 criancas menores de um ano residentes neste municipio em 1995, por meio do levantamento de seus registros vacinais verificados nas cinco unidades basicas de Saúde, em seis creches municipais, em um posto de vacinacao particular credenciado e em 75 domicilios. Ainda, foram verificadas as taxas de abandono para as vacinas DPT e VPO'E tambem as notificacoes de doencas imunopreveniveis e de eventos adversos pos-vacinais ocorridos nesse municipio, no periodo de 1995 a 1998. Concluiu-se que a estrutura existente para o Programa de Imunizacao e o processo de armazenamento, conservacao e distribuicao dos imunobiologicos era adequada atendendo, em sua maioria, os criterios de qualidade estabelecidos. Em 1995, as coberturas das vacinas BCG ID, DPT, e VPO ultrapassaram a meta de 90 por cento estabelecido pela Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, entretanto, a cobertura do vacina contra o sarampo ficou aquem da meta estabelecida por este Orgao em 9,2 por cento. As taxas de abandono para as vacinas VPO e DPT foram consideradas baixas em relacao aos criterios estabelecidos para o pais, entretanto para o Estado de São Paulo, as mesmas foram consideradas medias, ja que ficaram entre 5 por cento e 9 por cento. AS doencas imunopreveniveis de notificacao compulsoria mais incidentes neste municipio de 1995 a 1998, foram a tuberculose e o sarampo, ambas nao atingindo criancas nascidas em 1995 e residentes em Vinhedo - SP, neste mesmo ano, assim como verificou-se apenas uma notificacao de evento adverso pos-vacinal. Estas conclusoes apontam que o Programa de Imunizacao de Vinhedo - SP, e de boa ...(au)
Assunto Avaliação de programas e projetos de saúde
Imunização
Avaliação de resultados (Cuidados de saúde)
Idioma Português
Data 2000
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2000. 186 p. ilus.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 186 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17211

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta