Conexoes intertendineas dos musculos extensores dos dedos na mao humana

Conexoes intertendineas dos musculos extensores dos dedos na mao humana

Título alternativo Intertendinous connection of the extendor digitorum muscles of the human hand
Autor Montibeller, Ricardo Augusto Rotter Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo E notoria a importancia da mao para o ser humano e muito tem-se pesquisado sobre suas estruturas, especialmente a respeito dos tendoes, por serem estes abordados em cirurgias de transferencia de insercao e reconstrutiva da mao. Em contra partida, a mesma atencao nao tem sido dada as conexoes intertendineas, apesar de sua importancia funcional na redistribuicao de forcas e estabilizacao dos tendoes. No presente trabalho, pesquisamos os seguintes aspectos relacionados as conexoes intertendineas em cada espaco intermetacarpal: frequencia, tipo, distancia em relacao a articulacao metacarpofalangica, angulo formado entre as fibras centrais e o tendao de origem e direcao dessas fibras. O estudo foi realizado em 70 maos de 35 cadaveres de individuos adultos, de ambos os sexos, fixados em solucao aquosa de formalina a 10 por cento e pertencentes a Disciplina de Anatomia dos Departamentos de Morfologia da Universidade Federal de São Paulo - Escola Paulista de Medicina (UNIFESP EPM), Universidade de Taubate (UNITAU) e Cento Universitario Lusiada (UNILUS). A pele e a fascia do dorso da mao foram cuidadosamente dissecadas e rebatidas para expor as conexoes intertendineas. Para a tomada de todas as medidas a posicao da mao foi padronizada com o punho mantido em posicao neutra e as articulacoes metacarpofalangicas e interfalangicas semi-fletidas em 45§. Cada caso foi registrado esquematicamente e os mais representativos foram fotografados. A presenca de conexao intertendinea foi observada em 100 por cento dos casos no terceiro e quarto espacos intermetacarpais, em 90 por cento no segundo espaco e nao foi notada no primeiro espaco. A analise estatistica mostrou nao haver associacao significativa quanto a frequencia no segundo espaco em relacao ao sexo. Classificamos as conexoes intertendineas em tres tipos. No tipo tendinea, notamos nitido deslocamento de tiras de um tendao para se unir ao tendao vizinho e compo-lo. Esse tipo nao esteve presente no segundo espaco_(au)
Assunto Tendões
Mãos
Idioma Português
Data 2001
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2001. 94 p. ilustabgraf.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 94 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17289

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta