Avaliacao de fatores de risco coronario e estudo de perfusao miocardica em pacientes com lupus eritematoso sistemico

Avaliacao de fatores de risco coronario e estudo de perfusao miocardica em pacientes com lupus eritematoso sistemico

Título alternativo Coronary risk factors and myocardial perfusion study in systemic lupus erythematosus patients
Autor Sella, Elaine Marcelina Claudio Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo O objetivo deste trabalho foi estudar a frequencia dos fatores de risco coronario para doenca arterial coronaria (DAC) em pacientes com diagnostico de lupus eritematoso sistemico (LES) e sua possivel associacao com as anormalidades de perfusao miocardica. O estudo de cintilografia cardiaca foi realizado atraves da aquisicao de imagens SPECT (single-photon emission computed tomography) utilizando o radiotracador Tecnecio 99m-sestamibi. O protocolo de estudo foi executado em 1 unico dia, em 2 fases: de repouso e de estresse induzido por dipiridamol. Participaram do estudo 90 pacientes do sexo feminino e 32 mulheres do grupo controle com idades entre 20 e 55 anos, sem antecedentes pessoais de infarto agudo do miocardio, angioplastia ou cirurgia de revascularizacao miocardica. As pacientes deveriam ter mais de 5 anos de diagnostico do LES e uso atual ou pregresso de corticoterapia por pelo menos 1 ano. Como fatores de risco coronario tradicionais foram considerados hipertensao arterial sistemica (HAS), diabetes mellitus, HDL-c (lipoproteinas de alta densidade colesterol) < 35 mg/ dL, LDL-c (lipoproteinas de baixa densidade -colesterol) >_ 130 mg/dL, triglicerides >_ 200 mg/dL, menopausa, tabagismo atual, obesidade e historia familiar de DAC prematura. O grupo controle foi constituido por mulheres com pelo menos 1 destes fatores de risco coronario. Todas as participantes do estudo realizaram coleta de sangue para a execucao de exames laboratoriais referentes a avaliacao dos fatores de risco. As pacientes submeteram-se a coleta de sangue e urina para a avaliacao da atividade de doenca atraves do SLE-DAI (systemic lupus erythematosus disease activity index). Foi realizada revisao de prontuarios para a obtencao de informacoes a respeito das manifestacoes clinicas e sorologicas do LES e danos permanentes do SLICC/ACR-DI (systemic lupus intemational collaborating clinics/American College of Rheumatology damage index for systemic lupus erythematosus). Para as 48 pacientes em acompanhamento regular, definido por diagnostico e seguimento clinico em consulta com intervalo de tempo nao superior a 4 meses no ambulatorio da Disciplina de Reumatologia, foram feitos os calculos de tempo de uso e dose cumulativa de prednisona_(au)
Assunto Lúpus Eritematoso Sistêmico
Doença das Coronárias
Fatores de Risco
Tecnécio Tc 99m Sestamibi
Tomografia Computadorizada de Emissão de Fóton Único
Idioma Português
Data 2001
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2001. 190 p. ilustab.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 190 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17303

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta