A injecao percutanea de etanol no tratamento de nodulos tiroidianos autonomos, solidos e cisticos

A injecao percutanea de etanol no tratamento de nodulos tiroidianos autonomos, solidos e cisticos

Título alternativo Percutaneous ethanol injection used for the treatment of autonomous, solid and cystics thyroid nodules
Autor Bianchini, Elizabeth Xavier Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo A injecao percutanea de etanol (IPE) guiada por ultra-som tem sido utilizada para tratamento de nodulos tiroidianos autonomos promovendo retorno eutiroidismo e reducao nodular. Nos nodulos cisticos os bons resultados se devem a reducao nodular e ao baixo indice e nos nodulos solidos ocorre a regressao anatomica dos mesmos sem os incovenientes da supressao com levotiroxina ou da cirurgia. Foram tratados 51 pacientes, 9 com nodulos autonomos (NA), sendo 7 toxicos e 2 atoxicos; 16 pacientes com nodulos cisticos(puros ou mistos) e 26 pacientes com nodulos solidos. Os pacientes foram avaliados 1 semana, 1 mes, 3 meses, 6 meses e 1 ano apos a IPE. A escleroterapia foi realizada em 1 a 13 sessoes de acordo com as caracteristicas do nodulo, e a quantidade de etanol injetada dependeu do tamanho do nodulo correspondente a 20 ou 30 por cento do volume nodular inicial para nodulos autonomos e solidos e 30 a 50 por cento do volume aspirado para nodulos cisticos. Ao fim de um ano, 7 de 9 pacientes com NA estavam em eutiroidismo clinico e laboratorial, um persistia com TSH subnormal e outro evoluiu um hipotiroidismo subclinico transitorio. Nao houve recorrencia da tirotoxicose e a reducao nodular foi de 66 por cento (62 a 89 por cento), p<0,0001). Os nodulos cisticos tratados com IPE tiveram reducao de 93por cento(69 a 100 por cento, p<0,0001) apos 1 ano, sem recidivas nesse periodo. Os nodulos solidos reduziram 74 por cento(29 a 94 por cento), p<0,0001) em relacao ao volume inicial ao final de uma no. A incidencia de hipotiroidismo transitorio nos 3 tipos de nodulos foi de 14 por cento. O procedimento foi bem tolerado por todos os pacientes, ocorrendo dor local e/ou irradiada cuja intensidade foi maior nas duas primeiras sessoes. Os resultados obtidos confirmam a IPE com uma alternativa terapeutica para nodulos tiroidianos autonomos, cisticos e solidos com poucos efeitos colaterais e baixo indice de recidivas
Assunto Etanol
Nódulo da Glândula Tireoide
Ultrassom
Hipertireoidismo
Idioma Português
Data 2001
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2001. 70 p. ilustab.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 70 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17341

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta