Utilização da excisão tangencial em nevos nevocelulares na face

Utilização da excisão tangencial em nevos nevocelulares na face

Título alternativo Tangencial excision in nevocellular nevus on the face
Autor Pereira, Carlos Augusto Zanardini Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Alchorne, Alice de Oliveira de Avelar Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo A excisao tangencial (shaving) é uma técnica cirúrgica alternativa que foi utilizada em pacientes portadores de lesoes na face, compatíveis clinicamente com nevos nevocelulares. Foram avaliados os resultados cosméticos prospectivos e as possíveis complicaçoes com o acompanhamento pós-operatório de no mínimo seis meses e no máximo 106 meses, média de 22,83 meses. A eficácia da técnica baseou-se na avaliaçao subjetiva feita pelo médico e pelos pacientes e, na documentaçao fotográfica comparativa. Os benefícios 'esperados com a técnica representam o mínimo de stress para o paciente; a realizaçao do procedimento no consultório; o baixo risco de infecçao e hemorragia; a baixa incidência de quelóide e cicatriz inestética; a possibilidade da excisao de múltiplas lesoes em apenas uma sessao; a ausência de dor local, com mínimo edema, podendo retornar às atividades laborativas no pós-operatório imediato. Desconfortos e riscos que podem ocorrer sao a permanência de pigmentaçao; cicatrizes; a recorrência da lesao e a persistência de pêlos. Sangramento e infecçao raramente ocorrem. Foram selecionados 215 pacientes com uma ou múltiplas lesoes de nevos nevocelulares nas diferentes unidades estéticas da face. No caso de um paciente apresentar mais de uma lesao na mesma unidade estética da face, apenas uma lesao (a de maior diâmetro e pigmentaçao) foi selecionada para inclusao no estudo, totalizando 225 lesoes. A técnica é simples, sendo que o cirurgiao deve ter a habilidade e o conhecimento adequado das lesoes da pele. Realiza-se a antissepsia e a demarcaçao das bordas da lesao, seguida da anestesia local infiltrativa e a excisao com lamina de bisturi número 10 ou 15, selecionada conforme o diâmetro da lesao. Obtêm-se a hemostasia com uma cuidadosa eletrofulguraçao, faz-se o curativo com pomada de antibiótico, gaze e fita hipoalergênica. Deve-se usar filtro solar no pós-operatório enquanto permanecer o eritema. O resultado cosmético foi considerado excelente para a maioria dos pacientes apresentando baixa incidência de complicaçoes. Quando comparados os fototipos em relaçao às chances de complicaçoes e comparando-se os tipos de laudos histopatológicos em relaçao as idades médias, foi possível estabelecer diferenças estatisticamente significantes. A excisao tangencial é uma técnica cirúrgica eficaz quando utilizada com o propósito cosmético em lesoes melanocíticas benignas na face. 0 procedimento é prático e de baixo custo.
Assunto Nevo
Dermatopatias
Face/cirurgia
Idioma Português
Data 2001
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2001. 119 p. ilustab.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 119 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17512

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta