Tratamento cirurgico do pe torto congenito idiopatoco utilizando a tecnica de liberacao das partes moles postero-medio-lateral, pela via de acesso de Cincinnati segmentada

Tratamento cirurgico do pe torto congenito idiopatoco utilizando a tecnica de liberacao das partes moles postero-medio-lateral, pela via de acesso de Cincinnati segmentada

Título alternativo Surgical treatment of congenital idiophatic clubfoot using the soft tissue posteromedial lateral release technique, with the Cincinnati segmented incision
Autor Lara, Luis Carlos Ribeiro Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo O autor apresenta os resultados da correcao do PTC idiopatico, resistente ao tratamento conservador, com a tecnica de liberacao das partes moles postero-mediolateral, utilizando a via de acesso de Cincinnati segmentada, em 63 pacientes (85 pes). Ha 17 pacientes do sexo feminino e 46 do sexo masculino. A deformidade e unilateral cm 32 criancas e bilateral em 31. Todos os pacientes encontram-se abaixo dos dois anos de idade no momento da cirurgia, tendo como media, 11,3 meses. O tempo medio de seguimento do pos-operatorio e de _52 meses. A analise dos resultados e avaliada pelo metodo proposto por Lehman (1980). Obtivemos 88,23`'/ de resultados satisfatorios e 1 1,77`7o de insatisfatorios. Concluimos que a tecnica operatoria mostra-se eficaz no tratamento do PTC, e a incisao empregada permite boa visao das estruturas a serem liberadas, bem como, menor risco de necrose e deiscencia da sutura. Nao ha diferenca estatistica dos resultados entre as criancas operadas abaixo e acima do primeiro ano de vida, entretanto, a amplitude do movimento de flexao dorsal do tornozelo e o indice talo-calcaneano mostram-se melhores nos pacientes operados acima dos 12 meses de idade. Observamos deterioracao dos resultados excelentes nos pes dos pacientes com tempo de seguimento do pos-operatorio superior aos 52 meses, e que, tambem, estes apresentam diminuicao da mobilidade da articulacao subtalar, maior presenca de aducao do antepe e queixa de dor ocasional. As criancas, cujos familiares informam intercorrencias durante a gravidez, proporcionam piores resultados da correcao das deformidades dos pes
Assunto Pé Torto/cirurgia
Deformidades Congênitas do Pé/cirurgia
Recém-Nascido
Lactente
Idioma Português
Data 2002
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2002. 130 p. ilustabgraf.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 130 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17734

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta