Avaliacao dos testiculos topicos e ectopico apos o uso de ciclosporina A em ratos pre-puberes submetidos a criptorquia unilateral experimental

Avaliacao dos testiculos topicos e ectopico apos o uso de ciclosporina A em ratos pre-puberes submetidos a criptorquia unilateral experimental

Título alternativo Evaluation of topical and ectopic testis after using cyclosporine A in pre-puberal rats submitted to unilateral cryptorchidism in experiment
Autor Silveira, Jose Francisco da Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo A criptorquia e uma doenca congenita que afeta 2,7 por cento dos recem-natos, e quando nao tratada evolui com complicacoes tais como: a infertilidade e a neoplasia testicular. Dentre os possiveis efeitos do testiculo retido sobre o testiculo topico, o autoimune tem sido estudado. O objetivo desta pesquisa foi avaliar o efeito da Ciclosporina A (CsA) sobre os testiculos, em ratos pre-puberes. Foi produzida a criptorquia unilateral em quarenta ratos machos da linhagem Wistar por obliteracao do anulo inguinal esquerdo, no decimo dia de vida. Os animais foram distribuidos aleatoriamente em dois grupos: grupo I, ratos criptorquidicos que receberam CsA; grupoII, ratos criptorquidicos que receberam oleo de oliva. Os animais de cada grupo foram redistribuidos aleatoriamente em dois subgrupos: subgrupo A, ratos que foram observados ate o 41º dia de vida; e subgrupo B, ratos que foram observados ate o 60º. Foi utilizada, via subcutanea, a dose diaria de 25 mg.kg 1 de CsA no grupo I, e identico volume de oleo de oliva no grupo II, durante quatro dias, em ambos os grupos. Os parametros macroscopicos analisados foram: a evolucao ponderal dos animais e o peso dos testiculos. Os parametros analisados pela microscopia optica e digitalizacao de imagem foram: a presenca ou ausencia da espermatogenese e o diametro dos tubulos seminiferos. Houve perda de peso corporal dos ratos durante o uso da CsA, porem o peso corporal, ao final do experimento, foi semelhante ao do grupo controle. Nos animais do grupo 1 que receberam a CsA, os testiculos topicos foram maiores no 60º dia de vida do que no 41º. Esses animais apresentaram menos atrofia testicular em relacao ao grupo II, porem os testiculos ectopicos nao se desenvolveram em ambos os grupos. Este estudo permitiu concluir que a espermatogenese dos testiculos topicos do grupo I nao sofreu alteracoes, e a CsA nao preveniu os danos causados a espermatogenese nos testiculos ectopicos. Nao houve diferenca significante para os diametros dos tubulos seminiferos entre os animais do grupo I e II
Assunto Criptorquidismo
Ratos
Testículo
Ciclosporina
Idioma Português
Data 2001
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2001. 41 p. ilus. ,tab.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 41 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17748

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta