Estudo dos limiares auditivos, com e sem equipamento de protecao individual, apos uma jornada de trabalho em ambiente ruidoso

Estudo dos limiares auditivos, com e sem equipamento de protecao individual, apos uma jornada de trabalho em ambiente ruidoso

Título alternativo Hearing threshold study with and without individual protection equipament after a working journey in noise enviroment
Autor Pedroso, Antonio E'Dme da Costa Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Sabe-se que o ruido causa um efeito prejudicial para o ouvido interno, entretanto, em alguns paises estes efeitos ainda nao sao reconhecidos como doenca profissional. O nosso objetivo foi estudar possiveis alteracoes dos limiares auditivos em trabalhadores expostos a ruido industrial acima de 85 dbNA, por meio de audiometria tonal anterior e posterior a uma jornada de trabalho de oito horas, com e sem o uso do equipamento de protecao individual (EPI) auditivo, e determinar o seu padrao audiometrico. Procurou-se tambem determinar a eficacia do uso do (EPI) utilizado. Vinte e tres (23) trabalhadores fabris, voluntarios, do sexo masculino da linha de montagem da Moto Honda da Amazonia foram selecionados, entre 20 e 26 anos de idade, e com tempo de servico, na industria, entre um e dois anos em media. Foram avaliados por meio de audiometria tonal antes e apos a exposicao a um ruido que variava de 89 a 94 dbNA, com e sem o uso do EPI e registrados seus resultados. Adotouse como parametro de avaliacao, os limiares da audiometria realizada antes de cada jornada, sendo respeitado um periodo de repouso acustico minimo de 14 horas entre uma exposicao e outra. Nos resultados, detectou-se a ocorrencia de TTS (Temporary Threshould Shift) nas frequencias testadas para o grupo, que so foram estatisticamente significativa, a um nivel de 85 por cento de confiabilidade (p<0,15), nas frequencias de 3000 a 8000 Hertz, bilateralmente, quando os trabalhadores nao faziam uso do EPI, comprovando a existencia de TTS, o que pode estar relacionado com a eficacia do uso do protetor auditivo. Em relacao as perdas auditivas, demonstrou ser uma perda labil, de grau leve, em ambas as orelhas, com tendencia a recuperacao apos um repouso acustico de pelo menos 14 horas entre uma exposicao e outra
Assunto Ruído
Perda Auditiva Provocada por Ruído
Audição
Idioma Português
Data 2001
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2001. 92 p. ilustab.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 92 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17776

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta