Gligoesfingolipídeos de formas amastigotas de Leismania(leishmania) amazonensis.Estrutura e papel na interação leishmania-macrófago

Gligoesfingolipídeos de formas amastigotas de Leismania(leishmania) amazonensis.Estrutura e papel na interação leishmania-macrófago

Título alternativo Glycosphingolipids of leishmania(leishmania)amazonense amastigores forms. Struture ans role in leishmania-macrophage interaction
Autor Tanaka, Améria Kaori Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Takahashi, Anita Hilda Straus Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: Analisar o papel dos glicoesfingolipideos (GSLs) de formas amastigotas de Leishmania (Leishmania) amazonenses isolando e caracterizando esses glicoconjugados reativos com os anticorpos monoclonais (MOAbS) ST-3, ST-4 e ST-5 e determinando a especificidade fina desses anticorpos, a importancia do residuo terminal de a-D-galactose na infectividade em cultura de macrofagos, a cinetica de expressao desses antigenos no parasita e possiveis lectinas/receptores do macrofago para essas moleculas. Metodos: As formas amastigotas foram isoladas de patas de hamsters infectados com L. (L.) amazonenses e os GSLs extraidos e purificados por combinacoes de: cromatografia em coluna de Florisil e de troca fonica em DEAE-Sephadex; cromatografia liquida de alta resolucao; e cromatografia preparativa em camada delgada de alta resolucao. Para analise da especificidade dos anticorpos, foram realizados radioimunoensaios de fase solida, no qual os anticorpos foram pre-incubados com diferentes glicosideos e ensaiados em placas de 96-pocos adsorvidas com a Banda 1 (menor antigeno glicoesfingolipidico de amastigotas de L. (L.) amazonenses reconhecido pelos MoAbs ST-3, ST-4 e ST-5). O efeito desses glicosideos na adesao e infectividade de macrofagos por formas amastigotas foi tambem avaliado pre- incubando-se os macrofagos com os glicosideos antes da infeccao pelo parasita. A expressao de antigenos glicolipidicos foi analisada por imunofluorescencia indireta em monocamada de macrofagos murinos infectados e durante diferenciacao celular do parasita em cultura. A identificacao de possiveis receptores para GSLs de formas amastigotas foi realizado em Western Blot de preparacoes de macrofagos murinos incubados com micelas contendo os GSLs...(au)
Assunto Glicoesfingolipídeos
Leishmania
Leishmania braziliensis
Glycosphingolipids
Leishmania
Leishmania braziliensis
Idioma Português
Data 2002
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2002. 78 p. ilus.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 78 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17851

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta