Avaliação da capacidade regenerativa dos tendões dos músculos semitendíneo e grácil utilizados como enxertos nas construções do ligamento cruzado anterior

Avaliação da capacidade regenerativa dos tendões dos músculos semitendíneo e grácil utilizados como enxertos nas construções do ligamento cruzado anterior

Título alternativo Regenerative capability evaluation of semitendinosus and gracilis muscles tendons used as graft in anterior cruciate ligament reconstruction
Autor Albertoni, Leonardo José Bernardes Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Navarro, Ricardo Dizioli Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Avaliamos, por meio dos exames fisico e de ressonancia magnetica. trinta joelhos de 29 pacientes que haviam sido submetidos a reconstrucao do ligamento cruzado anterior com tendoes duplos dos musculos semitendineo e gracil. O objetivo do estudo foi o de avaliar a capacidade de regeneracao dos tendoes dos musculos semitendineo e gracil apos seu uso como enxertos nas reconstrucoes do ligamento cruzado anterior do joelho. As idades dos pacientes variaram de dezenove a 49 anos, com media de 32 anos. Quanto ao sexo, havia 27 homens e tres mulheres. Quanto ao lado. doze joelhos eram do lado esquerdo e dezoito do lado direito. Com relacao a cor, 25 pacientes eram brancos e cinco, nao brancos. O intervalo entre a data da cirurgia e a data da realizacao dos exames fisico e de ressonancia magnetica variou de nove a 34 meses, com media de dezessete meses. Os pacientes foram submetidos ao exame fisico no mesmo dia da realizacao do exame de ressonancia magnetica, para facilitar comparacoes entre os metodos. Os exames de ressonancia magnetica dos joelhos foram avaliados por dois radiologistas experientes, especialistas em imagem musculo-esqueletica, que sabiam que os tendoes haviam sido retirados, mas nao sabiam o intervalo entre a retirada do enxerto e o exame de ressonancia magnetica...(au)
Assunto Ligamento cruzado anterior/cirurgia
Imagem por ressonância magnética
Regeneração
Tendões/transplante
Idioma Português
Data 2002
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2002. 102 p. ilustabgraf.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 102 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/17930

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta