Estudo do gasto energético durante a realização de atividade da vida diária com e sem o uso das posturas preconizadas pelas técnicas de conservação de energia em pacientes com DPOC

Estudo do gasto energético durante a realização de atividade da vida diária com e sem o uso das posturas preconizadas pelas técnicas de conservação de energia em pacientes com DPOC

Título alternativo Study of enery expandure during the activities fo daily living using and not using body position recommended by energy conservation techniques in COPD patients
Autor Velloso, Marcelo Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Jardim, José Roberto Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Introdução: Pacientes portadores de Doenca Pulmonar Obstrutiva Cronica (DPOC) experimentam um aumento progressivo das dificuldades em realizar as atividades da vida diaria (AVD). Quanto mais intensa for a AVD, maior sera o consumo de oxigenio (V02) e a ventilacao minuto (VE), desencadeando dispneia e levando os pacientes a necessitarem de auxilio e a diminuir a performance funcional. Objetivos: Avaliar se as posturas preconizadas pelas tecnicas de conservacao de energia durante a realizacao das AVD influenciam o gasto energetico e o grau de dispneia. Materiais e Metodo: Foram avaliadas, em 16 pacientes com diagnostico de DPOC, variaveis metabolicas (V02 e VC02), ventilatorias (f e VE), cardiovasculares (FC e Pulso de 02) (COSMED K4b2) e dispneia (escore de Borg), durante a realizacao de quatro grupos de AVD, com e sem a utilizacao de posturas preconizadas pela tecnica de conservacao de energia. Resultados: No grupo de atividades que compoe a higiene pessoal houve reducao no V02 = 13,4 por cento, VC02 = 12,8 por cento, FC = 13,7 por cento e no Borg = 1 ponto; tirar e colocar sapatos houve reducao no V02 = 5,8 por cento, VC02 = 5,8 por cento, FC = 1,0 por cento e no Borg =0,6 ponto; colocar potes em prateleiras altas houve reducao no V02 = 12,2 por cento, VC02 = 9,9 por cento, FC = 5,1 por cento e no Borg =0,75 ponto; colocar potes em prateleiras baixas houve reducao no V02 = 28,1 por cento, VC02 = 24,3 por cento, FC = 5,4 por cento e no Borg = 0,8 ponto. Conclusao: A adocao de posturas preconizadas pelas tecnicas de conservacao de energia em pacientes com DPOC diminuem o consumo de energia e a sensacao de dispneia
Assunto Atividades cotidianas
Doença pulmonar obstrutiva crônica
Activities of daily living
Pulmonary disease, chronic obstructive
Idioma Português
Data 2004
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2004. 65 p.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 65 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/18835

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta