Hiperplexicos com transtorno de Asperger

Hiperplexicos com transtorno de Asperger

Título alternativo Hypertexics with Asperger's syndrome: chacaracterization of texta and words reading and writing
Autor Silva, Renata Cristina Dias da Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: Verificar as habilidades de leitura, escrita e consCiência fonologica de sujeitos com diagnostico de Transtorno de Asperger que tenham apresentado historico de Hiperlexia e investigar possiveis correlacoes com a idade, nivel de inteligencia e tempo de escolaridade. Metodos: A amostra foi composta por 16 sujeitos, do sexo masculino com linguagem verbal e idade media de 15.4, cujos pais autorizaram a participacao no estudo e relataram que os mesmos haviam comecado a ler precocemente sem ensino formal previo e com pouca compreensao. Todos os sujeitos eram escolarizados, nao apresentavam limitacoes sensoriais e foram encaminhados com diagnostico de Transtorno de Asperger para as Disciplinas de Disturbios da Comunicacao Humana e de Disturbios da Audicao da UNIFESP-EPM. ja tendo sido avaliados o nivel intelectual. A testagem foi composta por uma Prova de Leitura em Voz Alta, Avaliacao da Velocidade de Leitura, Recontagem de Texto, Prova de ConsCiência Fonologica, Ditado e Escrita Semi-Dirigida de Textos. Todos os procedimentos foram filmados e gravados, sendo aplicados em duas sessoes individuais. Na leitura, foram examinadas as habilidades de exatidao, velocidade e compreensao; na consCiência fonologica averiguaram-se habilidades de sintese silabica e fonemica, rima, aliteracao, analise silabica e fonemica, manipulacao silabica e fonemica, transposicao silabica e fonemica e na escrita avaliou-se a exatidao e a construcao semidirigida de textos com base em sequencias de figuras. Resultados: Os sujeitos tiveram alto indice de acertos na exatidao de leitura e escrita, apresentaram grande variacao quanto a velocidade e compreensao de leitura, estando deficitarias na maioria dos casos. Na consCiência fonologica, de modo geral, tiveram desempenhos abaixo do esperado para a idade, com mais dificuldades nas tarefas fonemicas. Na escrita de textos houve variacoes de 5 a 25 nodos. Houve correlacao entre o nivel intelectual e todas habilidades de leitura. entre a exatidao de leitura e a exatidao de escrita, entre a velocidade de leitura e a compreensao dos textos, entre a consCiência fonologica e a construcao dos textos, e desta ultima com a ordenacao das figuras. Conclusoes: Nestes individuos nao foi observado um padrao uniforme de habilidades
Assunto Síndrome de Asperger
Transtornos de Aprendizagem
Desenvolvimento da Linguagem
Leitura
Escrita Manual
Consciência
Idioma Português
Data 2004
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2004. 130 p.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 130 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/18884

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta