Valor do dilatador higroscopico para visualizacao do canal endocervical uterino na cirurgia de alta frequencia

Valor do dilatador higroscopico para visualizacao do canal endocervical uterino na cirurgia de alta frequencia

Título alternativo Value of the higroscopic dilator on the visibilite of the endocervical canal on the electrosurgical excision
Autor Ferreira, Maria Silvana Cardoso Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivo: Avaliar a eficacia do dilatador higroscopico em auxiliar o exame colposcopio do canal endocervical, em pacientes com lesao de alto grau e colposcopia insatisfatoria. Metodos: Estudo prospectivo' de, 62I pacientes com exames' colposcopicos insatisfatorios e lesao intra-epitelial de alto grau, submetidas a dilatacao) do canal endocervical por meio de dilatador higroscopico, seguido de conizacao poro cirurgia de alta frequencias Para formacao do grupo controle foram analisadas retrospectivamente 73 pacientes submetidas a conizacao por cirurgia de alta frequencia no ambulatorio de Patologia do trato genital inferior da UNIFESP-EPM no periodo de 1993 a 1999. As pacientes foram separadas em dois grupos de acordo com a localizacao das atipias: Grupo~ (n=35): pacientes com colposcopias insatisfatorias Grupo II (n=38): pacientes com colposcopias satisfatorias e atipia de localizacao endocervical. Resultado: Em 80,65 por cento dos casos a visao colposcopica apos a dilatacao foi satisfatoria. Destes, 80,40 por cento dos casos apresentaram margens de resseccao livres de doenca O mesmo ocorreu com 36,36 por cento das pacientes com colposcopias insatisfatorias persistentes apos a dilatacao O comprometimento das margens cirurgicas ocorreu em 28,07 por cento no grupo submetido a dilatacao, em 28,57 por cento dos casos i no grupo e em 31,58 por cento dos casos no grupo li. No acompanhamento das pacientes verificou-se que a porcentagem de doenca residual nas pacientes submetidas a dilatacao foi de 7,55 por cento dos casos, no grupo controle) ocorreu em 28,57 por cento e no grupo controle II em 28,95 por cento dos casos) Conclusoes O uso do dilatador higroscopico melhorou a visualizacao de lesoes de dificil acesso ao exame colposcopico, permitindo a diminuicao da porcentagem de doenca residual em pacientes com colposcopia insatisfatoria tratadas com cirurgia de alta frequencia
Assunto Colposcopia
Neoplasia Intraepitelial Cervical
Conização
Idioma Português
Data 2003
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2003. 84 p.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 84 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/19404

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta