Efeitos da privação de sono sobre parâmetros cardiovasculares em ratos machos e fêmeas

Efeitos da privação de sono sobre parâmetros cardiovasculares em ratos machos e fêmeas

Título alternativo Effects of sleep deprivation in cardiovascular parameters in male and female rats
Autor Tenório, Neuli Maria Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Andersen, Monica Levy Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo A redução no tempo de sono caracteriza a sociedade moderna. A associação recíproca entre a duração do sono e o ganho de peso tem sido atualmente explorada. Contudo, as conseqüências desses fatores no sistema cardiovascular permanecem não completamente elucidadas, principalmente quando verificadas ao longo da vida. Além disso, as conseqüências da privação de sono ainda podem sofrer a influência do fator sexo. Assim, o objetivo do presente estudo foi verificar o impacto da privação de sono aguda associada à obesidade em ratas Zucker de diferentes idades (Artigo 1) e comparar os efeitos da privação de sono paradoxal (PSP) e restrição de sono (RS) crônica em ratos eutróficos machos e fêmeas (Artigo 2) nos parâmetros cardiovasculares (Artigos 1 e 2) e hormonal (Artigo 2). Para a realização do Artigo 1, ratas Zucker fêmeas magras e obesas de 3, 6 e 15 meses de idade foram distribuídas em grupos controle (CTRL, gaiolas-moradia) ou privação de sono (PS). Para o Artigo 2, ratos adultos machos e fêmeas da linhagem Wistar foram distribuídos nos grupos: controle (CTRL, gaiolas-moradia), PSP (ratos submetidos a PSP por 96 horas) ou RS (ratos submetidos à RS por 21 dias). Para ambos os artigos, os animais foram anestesiados após respectivo protocolo de PS ou tempo equivalente nos grupos CTRL, para cateterização da artéria e veia femorais. Em seguida, o índice de sensibilidade baroreflexa foi mensurado por infusões de fenilefrina (resposta bradicárdica) e nitroprussiato de sódio (resposta taquicárdica). No caso do Artigo 2, outro grupo de animais foi utilizado para a coleta sanguínea a fim de avaliar as concentrações de hormônio adrenocorticotrófico (ACTH). No Artigo 1, observamos que a obesidade resultou em disfunção da resposta taquicárdica nos animais desde os 3 meses de idade. Aos 6 e 15 meses de idade, a resposta bradicárdica e taquicárdica foram significativamente menores em animais obesos comparados aos respectivos grupos magros. Aos 15 meses de idade, a interação entre obesidade, PS e idade provocou as maiores conseqüências no sistema cardiovascular, uma vez que aumentou a pressão arterial, a freqüência cardíaca e reduziu a sensibilidade baroreflexa. No Artigo 2, os resultados mostraram que a pressão arterial média foi significativamente maior no grupo RS comparada ao grupo CTRL em ambos os sexos. Em fêmeas, a freqüência cardíaca foi significativamente maior após a PSP comparada ao respectivo grupo CTRL. O protocolo de RS atenuou a resposta baroreflexa vagal similarmente em ratos machos e fêmeas. A resposta baroreflexa simpática foi atenuada nos grupos PSP e RS, contudo, em fêmeas este parâmetro foi afetado apenas após o procedimento de PSP. Nenhuma diferença significativa em relação ao sexo foi observada para qualquer parâmetro cardiovascular em ratos da linhagem Wistar, apenas a PSP aumentou significativamente as concentrações de ACTH comparado ao grupo CTRL em ambos os sexos. Em conjunto, esses resultados sugerem que diferentes durações de perda de sono levam a conseqüências específicas nos parâmetros cardiovasculares e hormonais e estes efeitos foram similares entre ratos machos e fêmeas no caso de ratos eutróficos. Em animais obesos, a associação entre os fatores de risco (obesidade, PS e idade) exerceram as piores consequências nos parâmetros cardiovasculares analisados.
Assunto Privação do Sono
Obesidade
Pressão Arterial
Sistema Cardiovascular
Fatores Sexuais
Ratos Wistar
Ratos Zucker
Feminino
Masculino
Animais
Sleep Deprivation
Obesity
Arterial Pressure
Cardiovascular System
Sex Factors
Rats, Wistar
Rats, Zucker
Female
Male
Animals
Idioma Português
Data 2011
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2011. 149 p.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 149 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Tese de doutorado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/19543

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta