Perfil e correlacao entre diferentes medidas antropometricas relativas a composicao corporal e `distribuicao da gordura em nipo-brasileiros

Perfil e correlacao entre diferentes medidas antropometricas relativas a composicao corporal e `distribuicao da gordura em nipo-brasileiros

Título alternativo Profile and correlation between different anthropometric measures of body composition and abdominal adiposity among japanese-brazilians
Autor Taniguchi, Cana Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivos: 1) Descrever o perfil de composicao corporal e de distribuicao de gordura corporal de uma populacao nipo-brasileira com alto risco para o diabetes mellitus tipo 2 (DM2). 2) Verificar a relacao entre os parametros antropometricos utilizados na avaliacao do estado nutricional e da adiposidade central com aqueles representados por valores absolutos ou derivados de dobras cutaneas (De) e de circunferencias (C). Metodos: Utilizou-se dados de 640 nipo-brasileiros de ambos os sexos, de 1a. e 2a. geracao, com idade > 37 anos, que participaram do estudo transversal Prevalencia de diabetes mellitus e doencas associadas em nipo-brasileiros residentes na cidade de Bauru (SP)o, em 1993. Foram considerados na avaliacao do estado nutricional, o indice de massa corporal (IMC), a adiposidade corporal medidas por 8 De, suas somatorias (&#61669;) e indicadores derivados, e o porcentual de gordura corporal ( porentagem GC). A distribuicao central foi verificada pela circunferencia de cintura (CC), razao cintura quadril (RCQ e indicadores derivados de C e Dc. Para a analise dos dados utilizou-se a estatistica qui-quadrado e o teste t de Student. Os coeficientes correlacao de Pearson bruto(r) e ajustado (raj) foram usados para verificar a existencia de correlacao entre os valores do IMC, CC e RCQ e as variaveis antropometricas. Resultados: 40 por cento dos individuos estudados apresentaram excesso de peso (IMC &#61619; 25 kg/m2 ) e a prevalencia de obesidade abdominal foi de 21,5 por cento entre os homens (CC &#61619;94 cm) e 66,7 por cento entre as mulheres (CC &#61619;80 cm). Os indicadores que apresentaram correlacao intensa (r &#61619;0,70) com o IMC foram a porcentagem GC, a circunferencia muscular do braco, a area gordurosa do braco, a area do braco, as Dc triciptal, subescapular, abdominal e supra-iliaca e a &#61669; de Dc especificas. Os indicadores que se correlacionaram intensamente com a CC foram o indice de conicidade (IC), a porcentagem GC, as Dc do triceps e abdominal e as &#61669; de Dc especificas. A RCQ teve correlacao forte somente com o IC. Conclusao: Os homens nipo-brasileiros (<60 anos, de 2a. geracao) apresentaram o perfil caracteristicamente androide e as mulheres apresentaram-se mais obesas que os homens, em padrao androide, concomitante com a ginoide. A obesidade e a preponderancia de gordura abdominal observada entre esses individuos sugerem a presenca de gordura visceral como presumivel motivo de alteracoes metabolicas. A utilizacao de medidas de C e De fornece inumeras informacoes sobre a composicao corporal total e a distribuicao de gordura corporal, importantes na identificacao de individuos em risco de doencas e mortalidade
Assunto Composição Corporal
Pregas Cutâneas
Migração
Doenças Metabólicas
Idioma Português
Data 2003
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2003. 181 p.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 181 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/19578

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta