A abordagem Cognitivo-Comportamental dos sonhos de alcoolistas

A abordagem Cognitivo-Comportamental dos sonhos de alcoolistas

Título alternativo Dreams of alcoholics according to Cognitive-Behavioural therapy
El abordage Cognitivo-Comportamental de los sueños de alcoholicos
Autor Araujo, Renata Brasil Google Scholar
Oliveira, Margareth Da Silva Autor UNIFESP Google Scholar
Piccoloto, Luciane Benvegnu Google Scholar
Magrinelli, Mylène Google Scholar
Szupszynski, Karen Google Scholar
Instituição Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Resumo This work is aimed to carry out a theoretical review of sleep and dreams of alcoholics according to cognitive-behavioral therapy, and focusing on cognitive and neuroligical aspects. Considering that this approach is more indicated to chemical dependency, dreams, which are frequently used in Psychoanalytic Therapy, have to be studied under a cognitive-behavioral approach, so they could be used in clinics with these patients. The alterations in sleep of alcoholics, for example, could be taken as an alert about the risk of relapse, which indicate that sleep evaluation can not be disregarded by professionals, during the treatment of these patients. The reporting of dreams, by itself, can be a therapeutic instrument, very valuable at offering clues in respect of how much cravings are present in those who are trying to keep clean. If the professionals are successful about early identification of a risk situation as a craving, they could be more effective about the prevention of relapse. We concluded about the necessity of new researches on dreams according to this theoretical approach, as well as to evaluate their application in the chemical dependency field.

Este trabajo tiene como objetivo realizar uma revisión teórica a respecto del sueño y de los sueños de alcohólicos, teniendo en vista la Terapia Cognitivo-Comportamental, profundizando aspectos cognitivos y neurológicos. Em la medida en que éste es el abordaje psicoterápico más indicado para dependencia química, los sueños, utilizados en la Terapia psicoanalítica, tuvieron que ser estudiados sobre el enfoque cognitivo-comportamental, para que pudieran ser aprovechados en la clínica con estos pacientes. Las alteraciones em el sueño de los alcohólicos, por exemplo, pueden servir como alerta para el riesgo de recaída, lo que indica que una evaluación del sueño no puede ser desconsiderada por los profesionales durante el tratamiento de estos pacientes. El relato de los sueños, a su vez, puede ser un instrumento terapéutico muy valioso por ofrecer pistas a respecto de cuanto el craving existe en aquellos que están intentando mantenerse em abstinencia. Identificando situaciones de riesgo como el craving, los profesionales podrían ser más efectivos en la prevención de la recaída. Se concluye que existe la necesidad de realizar nuevos estudios teóricos a respecto de los sueños con este mismo abordaje teórico, así como evaluar su aplicación en el área de la dependencia química.

Este trabalho tem por objetivo realizar uma revisão teórica a respeito do sono e dos sonhos de alcoolistas de acordo com a Terapia Cognitivo-Comportamental, aprofundando aspectos cognitivos e neurológicos. Na medida em que esta é a abordagem psicoterápica mais indicada para dependência química, os sonhos, utilizados na Terapia Psicanalítica, tiveram de ser estudados sob o enfoque cognitivo-comportamental, para que pudessem ser aproveitados na clínica com estes pacientes. As alterações no sono de alcoolistas, por exemplo, pode servir como alerta quanto a um risco de recaída, o que indica que a avaliação do sono não pode ser desconsiderada pelos profissionais, durante o tratamento destes pacientes. O relato dos sonhos, por sua vez, pode ser um instrumento terapêutico muito valioso por oferecer pistas a respeito do quanto o craving está presente naqueles que estão tentando manter-se em abstinência. Se os profissionais forem bem sucedidos quanto à identificação precoce de uma situação de risco como o craving, poderão ser mais efetivos quanto à prevenção da recaída. Conclui-se quanto à necessidade de que sejam feitas novas pesquisas a respeito dos sonhos de acordo com esta abordagem teórica, bem como avaliada a sua aplicação na área da dependência química.
Assunto Alcohol
sleep
dream
Cognitive-Behavioral therapy
Álcool
sonho
sono
Cognitivo-Comportamental
Idioma Português
Data 2004-04-01
Publicado em Revista de Psiquiatria do Rio Grande do Sul. Sociedade de Psiquiatria do Rio Grande do Sul, v. 26, n. 1, p. 70-77, 2004.
ISSN 0101-8108 (Sherpa/Romeo)
Editor Sociedade de Psiquiatria do Rio Grande do Sul
Extensão 70-77
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0101-81082004000100010
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0101-81082004000100010 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/2038

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S0101-81082004000100010.pdf
Tamanho: 35.76Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta