Estudo genético-clínico e citogénetico molecular de um rearranjo complexo raro em mosaico com monossomia parcial 9p23-->pter E trissomia parcial 1q41-->qter

Estudo genético-clínico e citogénetico molecular de um rearranjo complexo raro em mosaico com monossomia parcial 9p23-->pter E trissomia parcial 1q41-->qter

Título alternativo Clinical-genetic and molecular cytogenetic study of a rare complex rearrangement case of mosaisism with partial monosomy 9p23-->pter and partial trisomy 1q41-->qter
Autor Kulikowski, Leslie Domenici Autor UNIFESP Google Scholar
Orientador Melaragno, Maria Isabel Autor UNIFESP Google Scholar
Resumo Objetivos: Estudo genético-clínico e citogenético molecular de um caso raro de aberração cromossômica estrutural complexa em mosaico, com duas linhagens celulares aparentemente complementares. A paciente com a aberração cromossômica apresenta retardo de desenvolvimento neuropsicomotor e dismorfias faciais. O resultado do cariótipo foi inicialmente dado como sendo: 46,XX,dei(9)(p22)/46,XX,dup(9)(p22p24). Métodos: Avaliação da paciente e caracterização molecular da aberração cromossômica com delineação dos pontos de quebra envolvidos utilizando hibridação in situ por fluorescência (FISH) com diferentes tipos de sondas de cromossomos artificiais de bactérias (BACs) e os dados do Projeto Genoma Humano. Resultados: As hibridações com as sondas RP11-549112 e RP11-284P20 revelaram o ponto de quebra em 9p23, resultando em uma perda de material cromossômico de aproximadamente 13,9 Mb no cromossomo 9 deletado. O material adicional presente em 9p em uma das linhagens celulares não era proveniente do cromossomo 9. O bandamento de alta resolução e as hibridações com as sondas RP11-55F10 e RP11-11 H1 caracterizaram o material duplicado como sendo proveniente do cromossomo 1, abrangendo uma região de aproximadamente 35 MB, de 1q41 a 1qter. Após a avaliação por diferentes técnicas de citogenética molecular, o cariótipo foi finalmente estabelecido como sendo: 46,XX,del(9)(p23)[54]/46,XX,der(9)t(1;9)(q41;p23)[46], indicando que a paciente apresenta monossomia 9p23->pter em todas as suas células e trissomia 1q41->qter em cerca de metade de suas células. Conclusão: A paciente apresenta algumas manifestações clínicas descritas como para a monossomia 9p, Por outro lado, o quadro fenotípico também pode ser considerado semelhante ao da duplicação 1q, pois a maioria das alterações clínicas presentes na paciente é descrita tanto para a monossomia 9p quanto para a trissomia 1q. Nosso estudo sugere que o rearranjo complexo apresentado pela paciente pode ter se originado na meiose paterna ou materna por meio de um evento de translocação t(1;9)(q41;p23), provavelmente na primeira divisão mitótica e originando duas linhagens celulares diferentes, uma com uma deleção 9p23-->pter, e outra com a deleção associada com uma duplicação 1q41->qter. A estabilidade do cromossomo 9 deletado em uma das linhagens é devido possivelmente à formação de um neotelômero. A literatura mostra que seqüências teloméricas intersticiais (ITs) estão presentes no braço longo do cromossomo 1, em 1q41. Sugerimos que por um mecanismo de captura de telômero no ponto de quebra, um neotelômero possa ter sido formado. O presente estudo ressalta a importância do delineamento de rearranjos complexos combinando a análise por alta resolução e FISH com BACs para a compreensão da relação genótipo-fenótipo e dos possíveis mecanismos envolvidos na produção de aberrações cromossômicas.
Assunto Hibridização in situ fluorescente
Cromossomos artificiais bacterianos
Deleção cromossômica
Duplicação gênica
/análise
Cromossomo
Idioma Português
Data 2005
Publicado em São Paulo: [s.n.], 2005. 111 p.
Editor Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Extensão 111 p.
Direito de acesso Acesso restrito
Tipo Dissertação de mestrado
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/20496

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Arquivos Tamanho Formato Visualização

Não existem arquivos associados a este item.

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta