Adesivo biológico de fibrina na mioescleropexia posterior em coelhos: estudo experimental

Adesivo biológico de fibrina na mioescleropexia posterior em coelhos: estudo experimental

Título alternativo Fibrin biological adhesive for posterior mioscleral fixation of superior rectus muscles: an experimental study in rabbits
Autor Moreira, Ana Tereza Ramos Autor UNIFESP Google Scholar
Bottós, Juliana Mantovani Google Scholar
Bottós, Kátia Mantovani Google Scholar
Buquera, Michele Google Scholar
Anjos, Adilson Dos Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade Federal do Paraná Departamento de Oftalmologia
Universidade Federal do Paraná
Hospital de Olhos do Paraná
Universidade Federal do Paraná Laboratório de Estatística
Resumo PURPOSES: 1. To evaluate the adhesion capacity of the fibrin biological adhesive in surgery of posterior fixation of the superior rectus muscle, when it is used for the reduction of the arc of contact. 2. To compare the reduction of the superior rectus muscle's action of eyes in which the biological adhesive has been used with those used as a control group. METHODS: The sample consisted of 30 animals, 60 eyes. One of the eyes of each animal was treated with biological adhesive (30 eyes), while the other was used as a control (30 eyes). All animals were sacrificed on the 60th postoperative day. Muscle reduction was analyzed and the sizes of the adherences produced at surgery and after 60 days were measured. RESULTS: The fibrin clot was produced immediately after applying the biological adhesive and at the end of few seconds all muscle fibers were adhered to the sclera. All muscles treated with biological adhesive showed reduction in motor function on the 60th postoperative day when compared with the control group. The sizes of the initially produced adherence compared with those after 60 days was reduced 28.48%. There was an ascending and positive but weak correlation (r=0.367204). There must exist other variables affecting adherence reduction. There was no significant inflammatory reaction or any other complication related to the surgery. CONCLUSIONS: The clinical results of motor function demonstrated that the biological adhesive of fibrin produced muscle-scleral adhesion, reducing the arc of contact of the superior rectus muscle in rabbits.

OBJETIVOS: 1. Verificar a capacidade de cola do adesivo biológico de fibrina quando utilizado para reduzir o arco de contato do músculo reto superior com a esclera de coelhos. 2. Comparar a redução da função do músculo reto superior tratado com a função do músculo reto superior contralateral, utilizado como controle. MÉTODOS: A amostra foi constituída por 30 coelhos, 60 olhos. Em cada coelho, realizou-se mioescleropexia posterior com adesivo biológico em um dos olhos (30 olhos), enquanto o outro serviu como controle (30 olhos). Todos os animais foram sacrificados após 60 dias pós-operatórios. Avaliaram-se a hipofunção muscular e o tamanho da aderência mioescleral produzida imediatamente pela cirurgia e após 60 dias. RESULTADOS: O coágulo de fibrina formou-se imediatamente à sua aplicação no músculo, e as fibras musculares apresentaram-se aderidas em poucos segundos à esclera. Todos os olhos operados com adesivo bio-lógico de fibrina demonstraram hipofunção muscular após 60 dias, quando comparada ao músculo contralateral. O tamanho do coágulo formado inicialmente, relacionado às medidas obtidas após 60 dias, demonstrou uma porcentagem de redução de 28,48% e uma correlação ascendente e positiva (r=0,367204), porém fraca, elucidando a existência de múltiplas variáveis influenciando nessa redução. Não houve sinais de hiperemia, secreção conjuntival, ou qualquer outra complicação atribuída à cirurgia, ao final de 60 dias. CONCLUSÃO: O adesivo biológico de fibrina provoca adesão músculo-escleral, encurtando o arco de contato, ocasionando a hipofunção desejada. A aplicação do adesivo facilita a mioescleropexia posterior, evitando a possibilidade de perfuração ocular.
Assunto Fibrin tissue adhesive
Oculomotor muscles
Suture techniques
Animal
Rabbits
Adesivo tecidual de fibrina
Músculos oculomotores
Técnicas de sutura
Animal
Coelhos
Idioma Português
Data 2004-04-01
Publicado em Arquivos Brasileiros de Oftalmologia. Conselho Brasileiro de Oftalmologia, v. 67, n. 2, p. 289-293, 2004.
ISSN 0004-2749 (Sherpa/Romeo)
Editor Conselho Brasileiro de Oftalmologia
Extensão 289-293
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27492004000200019
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-27492004000200019 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/2057

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S0004-27492004000200019.pdf
Tamanho: 79.65Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta