Results of the treatment of syringomyelia associated with Chiari malformation: analysis of 60 cases

Results of the treatment of syringomyelia associated with Chiari malformation: analysis of 60 cases

Título alternativo Resultados do tratamento da siringomielia associada com malformação de Chiari: análise de 60 casos
Autor Arruda, José Arnaldo Motta De Google Scholar
Costa, Carlos Maurício De Castro Google Scholar
Tella Jr, Oswaldo Inácio De Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal do Ceará Hospital Universitário Walter Cantídio Serviço de Neurologia
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo We analyze the results of surgical treatment of 60 patients presenting syringomyelia (SM) associated with Chiari malformation (CM) who were operated in the period 1982-2000. For each case, analysis covered 15 signs and 16 symptoms included in a protocol that separated SM signs and symptoms from those of CM. A score system was established in parallel with the protocol to make the evaluation of treatment results easier. All cases were submitted to craniovertebral decompression by C1 and eventually C2 laminectomy and cerebellar tonsillectomy with duramater graft. To evaluate the results, statistical proportion difference tests and variance analyses were made to a reliability index of 95% (p=0.05). We conclude that the statistical improvement of CM signs and symptoms was very significant (p=0). Syringomyelia signs and symptoms also improved significantly, except for upper limb hyporeflexia , which did not improve. No statistical difference in the improvement of SM symptoms as compared to CM symptom was found. Syringomyelia signs improved statistically more than CM signs. In half of patients, the percent improvement of signs and symptoms ranged between 40% and 60%.

RESUMO Analisamos os resultados do tratamento cirúrgico de 60 pacientes com a associação de siringomielia (SM) e malformação de Chiari (MC) operados no período de 1982 a 2000. Em cada caso foram analisados 15 sinais e 16 sintomas, incluídos em um protocolo que separou os sinais e sintomas decorrentes da SM dos sinais e sintomas decorrentes da MC. Paralelamente ao protocolo, foi elaborado um sistema de pontuação que facilitou a avaliação dos resultados do tratamento. Todos os casos foram submetidos à descompressão crânio vertebral com laminectomia de C1 e eventualmente de C2, e tonsilectomia cerebelar com plástica de dura-máter. Para avaliação dos resultados, foram aplicados testes estatísticos de diferença de proporções e análise de variância com confiabilidade de 95% (p=0,05). Concluímos que os sinais e sintomas da MC apresentaram melhora estatística muito significativa (p=0). Os sinais e sintomas decorrentes da SM também apresentaram melhora significativa, sendo a exceção o sinal hiporreflexia de membros superiores que não melhorou. Não encontrada diferença estatística da melhora dos sintomas da SM quando comparados aos da MC. Os sinais na SM melhoraram estatisticamente mais que os sinais da MC. A metade dos pacientes apresentou percentual de melhora de seus sinais e sintomas na faixa entre 40 e 60%.
Assunto syringomyelia
Chiari malformation
surgical treatment
siringomielia
malformação de Chiari
tratamento cirúrgico
Idioma Inglês
Data 2004-06-01
Publicado em Arquivos de Neuro-Psiquiatria. Academia Brasileira de Neurologia - ABNEURO, v. 62, n. 2a, p. 237-244, 2004.
ISSN 0004-282X (Sherpa/Romeo)
Editor Academia Brasileira de Neurologia - ABNEURO
Extensão 237-244
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-282X2004000200009
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-282X2004000200009 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/2094

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S0004-282X2004000200009.pdf
Tamanho: 100.0Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta