Graduandos de enfermagem e sua relação com o tabagismo

Graduandos de enfermagem e sua relação com o tabagismo

Título alternativo Nursing undergraduate students and their relationship with tobaccoism
Estudiantes del pre grado de enfermería y su relación con el tabaquismo
Autor Sawicki, Wanda Cristina Autor UNIFESP Google Scholar
Rolim, Marli Alves Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade de São Paulo (USP)
Resumo This study was designed to investigate: the prevalence of smokers among the UNIFESP nursing undergraduate students; some initial usage features; the smokers' dependence degree on nicotine. In order to compare the ratio of some variables, Pearson's Square Chi test was applied. The number of smokers among the nursing undergraduate students in the sample was 23 (8.2%) and 167 (59.9%) said they had never smoked a cigarette. Smokers' average age was 19.5 years old, and there is a significant difference between genders and only 2 (9.1%) smoking students may show a more severe discomfort while attempting to stop smoking, as showed the Fagerström's Test.

Este estudio tuvo como objetivos investigar la prevalencia de fumadores entre estudiantes del pregrado de enfermería de la Universidad Federal de São Paulo ( UNIFESP), algunas características de su uso inicial, el grado de dependencia de los fumadores a la nicotina. Para comparar la relación de algunas variables se aplicó el test del Chi Cuadrado de Pearson. Se verificó que del número total de la muestra, 23 (8,2%) eran fumadores y 167 (59,9%) manifestaron no haber experimentado el cigarro. La edad promedio de los fumadores fue 19,5 años, existiendo una diferencia significativa entre sexos y apenas 2 (9,1%) de los fumadores podrían presentar disconfort más serio al tratar de parar de fumar, conforme el test de Fägerstrom.

Foram objetivos deste estudo investigar a prevalência de fumantes entre os graduandos de enfermagem da UNIFESP (Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)), algumas características de seu uso inicial e o grau de dependência dos fumantes para com a nicotina. Para comparar a relação de algumas variáveis foi aplicado o teste Qui-Quadrado de Pearson. Dos 279 alunos que participaram do estudo, 23(8,2%) eram fumantes, 167(59,9%) referiram não ter experimentado o cigarro. A idade média dos fumantes foi 19,5 anos, havendo uma diferença significativa entre os sexos e apenas dois (9,1%) dos fumantes poderão apresentar um desconforto mais sério ao tentarem parar de fumar, conforme o Teste de Fagerström
Assunto Smoking
Tobacco
Prevention
Nursing students
Tabagismo
Tabaco
Prevenção
Estudantes de enfermagem
Idioma Português
Data 2004-06-01
Publicado em Revista da Escola de Enfermagem da USP. Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem, v. 38, n. 2, p. 181-189, 2004.
ISSN 0080-6234 (Sherpa/Romeo)
Editor Universidade de São Paulo, Escola de Enfermagem
Extensão 181-189
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0080-62342004000200009
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0080-62342004000200009 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/2145

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S0080-62342004000200009.pdf
Tamanho: 241.3Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta