Análise do cuidado ao bebê hospitalizado segundo a perspectiva Winnicottiana

Análise do cuidado ao bebê hospitalizado segundo a perspectiva Winnicottiana

Título alternativo Analysis of delivered care to hospitalized babies according to Winnicottian perspective
Analise del cuidado al bebe hospitalisado según la perspectiva Winnicottiana
Autor Regis, Fabiane Carvalhais Google Scholar
Kakehashi, Tereza Yoshiko Google Scholar
Pinheiro, Eliana Moreira Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Hospital Israelita Albert Einstein
Universidade do Grande ABC
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo This work aimed to analyze the holding provided by nurse aides, nurses, mothers, and fathers to infants newborn hospitalized at the middle risk neonatal unit of a university hospital in the city of São Paulo. This is a qualitative descriptive study based on Winnicott's theoretical framework. Data were collected by means of videotaping. Results demonstrated that there are some professionals who fail in providing holding, whereas others provide it satisfactorily. Although parents provide adequate holding, at times they fail to do so. We believe that it is necessary that the caring practice must be reevaulated, so that all members of the team, and also mothers and fathers are able to provide adequate holding for the infant's development.

El objetivo de este trabajo fue verificar el holding proporcionado por auxiliares de enfermería, enfermeras, madres y padres a bebes internados en unidad neonatal de medio riesgo de hospital escuela del Municipio de São Paulo. Es un estudio cualitativo descriptivo que utilizo el referencial teórico de Winnicott.. Los datos fueron colectados por medio de filmagen. Los resultados relevaron que hay profesionales que fallan en suministro del holding, mientras que otros, proporcionan un holding satisfactorio. A pesar de que padres proporcionan holding adecuado, algunas veces también fallan en esta provisión. Creemos que es necesario rever la práctica asistencial de enfermería de forma que todos componentes del equipo, madres y padres sean capaces de fornecer holding adecuado, visando desenvolvimiento del bebé.

O objetivo deste trabalho foi verificar o holding proporcionado pelas auxiliares de enfermagem, enfermeiras, mães e pais aos bebês internados em uma unidade neonatal de médio risco de um hospital escola do Município de São Paulo. Trata-se de um estudo qualitativo descritivo que utilizou o referencial teórico de Winnicott. Os dados foram coletados por meio de filmagens. Os resultados revelaram que há profissionais que falham no fornecimento do holding, enquanto outras, proporcionam um holding satisfatório. Embora pais e mães proporcionem holding adequado, por vezes também falham nesta provisão. Acreditamos ser necessário rever a prática assistencial de enfermagem de modo que todos os componentes da equipe, mães e pais sejam capazes de fornecer o holding adequado, visando o desenvolvimento do bebê.
Assunto Child development
Child care
Infant newborn
Desenvolvimento infantil
Cuidado da criança
Recém-nascido
Idioma Português
Data 2005-02-01
Publicado em Revista Brasileira de Enfermagem. Associação Brasileira de Enfermagem, v. 58, n. 1, p. 39-43, 2005.
ISSN 0034-7167 (Sherpa/Romeo)
Editor Associação Brasileira de Enfermagem
Extensão 39-43
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0034-71672005000100007
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0034-71672005000100007 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/2418

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S0034-71672005000100007.pdf
Tamanho: 49.56Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta