Qualidade de vida em pacientes com vertigem posicional paroxística benigna e/ou doença de Ménière

Qualidade de vida em pacientes com vertigem posicional paroxística benigna e/ou doença de Ménière

Título alternativo Quality of life in patients with benign paroxysmal positional vertigo and/or Ménière's disease
Autor Handa, Patrícia Rumi Autor UNIFESP Google Scholar
Kuhn, Ana Maria Baccari Autor UNIFESP Google Scholar
Cunha, Fabiana Autor UNIFESP Google Scholar
Schaffleln, Ricardo Autor UNIFESP Google Scholar
Ganança, Fernando Freitas Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo Patients with benign paroxysmal positional vertigo and/or Ménière's disease relate damages in quality of life. AIM: To compare the impact of dizziness on quality of life, in patients with benign paroxysmal positional vertigo and/or Ménière's disease, in crisis and out of crisis, and to evaluate the influence of gender, age and impaired semicircular canal. STUDY DESIGN: clinical with transversal cohort. MATERIAL AND METHOD: The prospective study was realized in 2003/04 at Federal University of São Paulo. The Dizziness Handicap Inventory was applied in seventy patients with positional vertigo, seventy with Ménière's disease and fifteen with both. Two-proportion equality test and the Analysis of variance were employed in this study. RESULTS: When comparing the groups, Dizziness Handicap Inventory results evidenced higher averages in crisis and out of crisis for Ménière's disease group than for positional vertigo group. The same occurred only during the crisis period in the group when comparing with both disorders (p<0,05). No significant statistical differences were observed, when comparing the results considering age, gender and, in the group with positional vertigo, affection of posterior semicircular canal as variables. CONCLUSIONS: Ménière's disease patients presented worse quality of life when compared to BPPV patients, in and out of crisis, and during the crisis when regarding the patients with association of both disorders. The damage on quality of life was independent of gender, age and in the BPPV cases it was independent of posterior canal affection.

Pacientes com vertigem posicional paroxística benigna e/ou doença de Ménière relatam prejuízos na qualidade de vida. OBJETIVO: Comparar o impacto da tontura na qualidade de vida destes pacientes e avaliar a influência do gênero, faixa etária e canal semicircular afetado. FORMA DE ESTUDO: clínico com coorte transversal. MATERIAL E MÉTODO: Estudo prospectivo realizado na Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), em 2003/04. O Dizziness Handicap Inventory foi aplicado em 70 pacientes com vertigem posicional, 70 com doença de Ménière e 15 com ambas. Utilizou-se o teste de igualdade de duas proporções e a análise de variância para a avaliação estatística. RESULTADOS: Os escores obtidos com a aplicação do questionário foram superiores, na crise e fora dela, no grupo com doença de Ménière, em relação ao com vertigem posicional, mas apenas na crise em relação ao grupo com associação (p<0,05). Não houve correlação com a faixa etária, gênero e nos casos de vertigem posicional, com o acometimento do canal semicircular. CONCLUSÕES: Os pacientes com doença de Ménière apresentaram pior qualidade de vida, na crise e fora dela, em relação aos com vertigem posicional paroxística benigna e aos com associação de ambas labirintopatias, quando na crise da vertigem posicional. O prejuízo da qualidade de vida foi independente do gênero, da faixa etária e nos casos com vertigem posicional, do canal semicircular acometido.
Assunto quality of life
vertigo
Ménière's disease
activities of daily living
qualidade de vida
vertigem
doença de Ménière
atividades cotidianas
questionários
Idioma Português
Data 2005-12-01
Publicado em Revista Brasileira de Otorrinolaringologia. ABORL-CCF Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial, v. 71, n. 6, p. 776-783, 2005.
ISSN 0034-7299 (Sherpa/Romeo)
Editor ABORL-CCF Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial
Extensão 776-783
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0034-72992005000600015
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0034-72992005000600015 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/2784

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S0034-72992005000600015.pdf
Tamanho: 136.4Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta