Metalo-beta-lactamases

Metalo-beta-lactamases

Título alternativo Metallo-beta-lactamases
Autor Mendes, Rodrigo Elisandro Autor UNIFESP Google Scholar
Castanheira, Mariana Autor UNIFESP Google Scholar
Pignatari, Antonio Carlos Campos Autor UNIFESP Google Scholar
Gales, Ana Cristina Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Laboratório ALERTA Laboratório Especial de Microbiologia Clínica
Resumo Increase isolation of Gram-negative bacilli resistant to broad-spectrum cephalosporin has been observed during the last few years, thus determining the use of more potent beta-lactams, such as carbapenems. The use of these antimicrobial agents may lead to the emergence of carbapenem resistant Gram-negative bacilli in the nosocomial environment. Carbapenem resistance may be due to the production of Ambler class D beta-lactamase or Ambler class B beta-lactamase, also called metallo-beta-lactamase (MbetaL). Apart from the monobactam aztreonam, this class of enzyme virtually hydrolyze all the commercially available beta-lactams. Since 90s, several clinical important nosocomial microorganisms, including members of Enterobacteriaceae family, Pseudomonas spp. and Acinetobacter spp., have been found to produce MbetaLs enzymes. When these carbapenem non-susceptible strains are found, they may be submitted to phenotypic MbetaL detection test in the microbiology laboratory in order to help infection control practioners and prevent the MbetaL gene dissemination, once these genes are embedded in mobile genetic elements, which can spread rapidly to other Gram-negative species.

Nos últimos anos tem sido observada maior incidência de bacilos Gram-negativos resistentes a cefalosporinas de espectro ampliado no ambiente hospitalar, ocasionando, assim, maior uso de betalactâmicos mais potentes, como os carbapenens. A utilização de carbapenens exerce maior pressão seletiva sobre a microbiota hospitalar, o que pode ocasionar aumento da resistência a esses agentes. Entre os mecanismos de resistência a carbapenens mais comumente identificados estão a produção de betalactamases, como, por exemplo, as pertencentes à classe D de Ambler e as que pertencem à classe B de Ambler, ou metalo-beta-lactamases (MbetaL). Essas últimas hidrolisam todos betalactâmicos comercialmente disponíveis, sendo a única exceção o monobactam aztreonam. Desde o início da década de 1990, novos genes que codificam MbetaLs têm sido descritos em microrganismos clinicamente importantes, como Pseudomonas spp., Acinetobacter spp. e membros da família Enterobacteriaceae. O encontro desses microrganismos não-sensíveis a carbapenens pode ser submetido a metodologias fenotípicas para detecção da produção de MbetaL com o intuito de auxiliar a Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH) e prevenir a disseminação desses determinantes de resistência, uma vez que genes que codificam MbetaLs estão contidos em estruturas genéticas que propiciam sua mobilidade de forma muito efetiva, sendo então facilmente disseminados.
Assunto Gram-negative bacilli
Carbapenem resistance
Metallo-beta-lactamase
Integron
Gene cassette
Bacilo Gram-negativo
Resistência a carbapenens
Metalo-beta-lactamase
Integron
Cassete gênico
Idioma Português
Data 2006-04-01
Publicado em Jornal Brasileiro de Patologia e Medicina Laboratorial. Sociedade Brasileira de Patologia ClínicaSociedade Brasileira de PatologiaSociedade Brasileira de Citopatologia, v. 42, n. 2, p. 103-113, 2006.
ISSN 1676-2444 (Sherpa/Romeo)
Editor Sociedade Brasileira de Patologia ClínicaSociedade Brasileira de PatologiaSociedade Brasileira de Citopatologia
Extensão 103-113
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1676-24442006000200007
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1676-24442006000200007 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3014

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S1676-24442006000200007.pdf
Tamanho: 393.0Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta