Effect of high frequency transcutaneous electrical nerve stimulation on viability of random skin flap in rats

Effect of high frequency transcutaneous electrical nerve stimulation on viability of random skin flap in rats

Título alternativo Efeito da estimulação elétrica nervosa transcutânea em alta freqüência na viabilidade do retalho cutâneo randômico em ratos
Autor Liebano, Richard Eloin Autor UNIFESP Google Scholar
Abla, Luiz Eduardo Felipe Autor UNIFESP Google Scholar
Ferreira, Lydia Masako Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo PURPOSE: To determine the effect of high frequency Transcutaneous Electrical Nerve Stimulation (TENS) on viability of random skin flap in rats. METHODS: The sample of this study was 75 Wistar rats. The skin flap measured 10 x 4 cm and a plastic barrier was interposed between the flap and donor site. After the operative procedure, animals of all groups were maintained anesthetized one more hour with electrodes positioned in the base of the flap and submitted to treatment according of their respective group. This procedure was repeated on the two subsequent days. G1: sham stimulation (control), G2: TENS (f = 80 Hz and I = 5 mA), G3: TENS (f = 80 Hz and I = 10 mA), G4: TENS (f = 80 Hz and I = 15 mA), G5: TENS (f = 80 Hz and I = 20 mA). RESULTS: The average percentage of necrotic area was 43,11, 34,65, 49,44, 23,52, 45,10 in groups 1, 2, 3, 4 and 5 respectively. CONCLUSION: The amplitude of 15 mA presented a lower necrotic area than control group and Transcutaneous Electrical Nerve Stimulation was efficient in increasing the random skin flap viability.

OBJETIVO: Avaliar o efeito da Estimulação Elétrica Nervosa Transcutânea (TENS) em alta freqüência na viabilidade do retalho cutâneo randômico em ratos. MÉTODOS: Foram utilizados 75 ratos da linhagem Wistar. O retalho cutâneo apresentava 10 x 4 cm, sendo que entre o mesmo e a área doadora foi realizada a interposição de uma barreira plástica. Após o procedimento operatório todos os animais permaneceram anestesiados por mais uma hora com os eletrodos posicionados na base do retalho e submetidos ao tratamento de acordo com seus respectivos grupos. Este procedimento se repetiu nos outros dois dias subseqüentes. G1: simulação da TENS, G2: TENS (f = 80 Hz e I = 5 mA), G3: TENS (f = 80 Hz e I = 10 mA), G4: TENS (f = 80 Hz e I = 15 mA), G5: TENS (f = 80 Hz e I = 20 mA). RESULTADOS: A porcentagem média de área de necrose foi de 43,11, 34,65, 49,44, 23,52, 45,10 nos grupos 1, 2, 3, 4 e 5 respectivamente. CONCLUSÃO: Os animais estimulados com amplitude de 15 mA apresentaram menor área de necrose quando comparados ao grupo controle e a Estimulação Elétrica Nervosa Transcutânea foi eficiente no aumento de viabilidade do retalho cutâneo randômico em ratos.
Assunto Transcutaneous Electric Nerve Stimulation
Surgical Flaps
Tissue Survival
Rats
Estimulação Elétrica Transcutânea do Nervo
Retalhos Cirúrgicos
Sobrevivência de Tecidos
Ratos
Idioma Inglês
Data 2006-06-01
Publicado em Acta Cirurgica Brasileira. Sociedade Brasileira para o Desenvolvimento da Pesquisa em Cirurgia, v. 21, n. 3, p. 133-138, 2006.
ISSN 0102-8650 (Sherpa/Romeo)
Editor Sociedade Brasileira para o Desenvolvimento da Pesquisa em Cirurgia
Extensão 133-138
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0102-86502006000300003
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0102-86502006000300003 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3094

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S0102-86502006000300003.pdf
Tamanho: 64.42Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta