Prevalência de astigmatismo refracional e sua relação com a acuidade visual de resolução em crianças de 2 a 36 meses

Prevalência de astigmatismo refracional e sua relação com a acuidade visual de resolução em crianças de 2 a 36 meses

Título alternativo Refractional astigmatism prevalence and its relationship with grating acuity in children 2 to 36 months of age
Autor Lipener, César Autor UNIFESP Google Scholar
Munoz, Emilio de Haro Autor UNIFESP Google Scholar
Moreira, José Belmiro de Castro Autor UNIFESP Google Scholar
Berezovsky, Adriana Autor UNIFESP Google Scholar
Salomão, Solange Rios Autor UNIFESP Google Scholar
Ventura, Dora Fix Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade de São Paulo (USP)
Resumo PURPOSE: To evaluate refractional astigmatism prevalence and its relationship with grating acuity in a cohort of non-verbal children. METHODS: 482 normal children, aged from 2 to 36 months, were submitted to ophthalmological examination. Fourteen subjects were excluded due to ocular disease and the sample remained with 468 subjects (936 eyes); 230 (49%) males e 238 (51%) females. Grating acuity was assessed binocularly and monocularly with Teller acuity cards. All children underwent eye examination including cycloplegic retinoscopy and fundus by indirect ophthalmoscopy. RESULTS: Astigmatism was found in 222 (47.43%) of the children, with the hyperopic and with the rule types most frequently found in all ages. Concerning magnitude, this condition was equal or greater than 1.00 cylindric diopter in 24.35% of the children; equal or greater than 2.00 cylindric diopter in 5.55%; lower than 1.00 in 26.92% and between 1.00 and 2.00 in 18.73%. Grating acuity was normal in 219 of the subjects, despite magnitude, type and orientation of astigmatism. CONCLUSION: Visual acuity assessed by the acuity card procedure was not influenced by astigmatism.

OBJETIVO: A prevalência do astigmatismo refracional e sua relação com a acuidade visual de resolução foram avaliados em amostra de crianças pré-verbais. MÉTODOS: Foram submetidas a exame oftalmológico 482 crianças normais com idades variando entre 2 e 36 meses. Após exclusão da amostra de 14 crianças com evidências de doenças oculares que pudessem alterar a acuidade visual, permaneceram 468 crianças (936 olhos), sendo 230 (49%) do sexo masculino e 238 (51%) do feminino. Todas foram submetidas a exame de acuidade visual binocular e monocular pelo procedimento do olhar preferencial através do método dos cartões de acuidade de Teller. Foi realizado em todas as crianças exame de refração sob cicloplegia e fundoscopia com oftalmoscópio indireto. RESULTADOS: O astigmatismo foi encontrado em 222 (47,43%), crianças da amostra, com predomínio do tipo hipermetrópico composto e da forma a favor da regra em todas as faixas etárias. Em relação à magnitude, esta ametropia foi maior ou igual a 1,00 dioptria cilíndrica em 24,35% dos sujeitos, maior ou igual a 1,00 dioptria cilíndrica em 24,35% dos sujeitos, maior ou igual a 2,00 dioptrias cilíndricas em 5,55%, menor que 1,00 dioptria cilíndrica em 26,92% e maior ou igual a 1,00 dioptria cilíndrica e menor que 2,00 dioptrias cilíndricas em 18,73%. A acuidade visual esteve dentro da faixa de normalidade em 219 crianças da amostra, independentemente da magnitude, tipo e orientação do astigmatismo. CONCLUSÃO: A acuidade visual de resolução medida pelo método dos cartões de acuidade de Teller não foi influenciada pelo astigmatismo.
Assunto Astigmatism
Prevalence
Visual acuity
Child
Astigmatismo
Prevalência
Acuidade visual
Criança
Idioma Português
Data 2006-06-01
Publicado em Arquivos Brasileiros de Oftalmologia. Conselho Brasileiro de Oftalmologia, v. 69, n. 3, p. 365-370, 2006.
ISSN 0004-2749 (Sherpa/Romeo)
Editor Conselho Brasileiro de Oftalmologia
Extensão 365-370
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27492006000300015
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-27492006000300015 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3097

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S0004-27492006000300015.pdf
Tamanho: 245.2Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta