Diferenças de preços entre medicamentos genéricos e de referência no Brasil

Diferenças de preços entre medicamentos genéricos e de referência no Brasil

Título alternativo Price differences between generic and innovator medicines in Brazil
Autor Vieira, Fabiola Sulpino Autor UNIFESP Google Scholar
Zucchi, Paola Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJECTIVE: To assess the magnitude of price difference between generic and innovator medicines and to evaluate the effect of the price competition between them. METHODS: From January 2000 to June 2004, 135 generic medicines and their respective innovator medicines were followed up for a period of up to four years. Prices were extracted from pharmaceutical market specific publications and recorded from the launching of generics and during their marketing period. RESULTS: The generic medicines were introduced on average at prices 40% lower than the innovator ones and this difference tended to increase over the years. The price difference between generic and innovator medicines increased in the subsequent four-year period after generic launching in 68%. CONCLUSIONS: The introduction of generic medicines in the Brazilian pharmaceutical market contributed for offering cheaper medicines. However, the competition between generic and innovator medicines did not promote markdown of the majority innovator medicines.

OBJETIVO: Verificar a magnitude da diferença de preço entre os medicamentos genéricos e os respectivos medicamentos de referência, além de avaliar o efeito da concorrência entre eles quanto aos seus preços. MÉTODOS: De janeiro de 2000 a junho de 2004, foram acompanhadas 135 apresentações de medicamentos genéricos e seus respectivos medicamentos de referência por um período de até quatro anos. Os preços foram extraídos de publicações específicas voltadas para o comércio farmacêutico, e foram anotados os preços para ambos os medicamentos, desde o lançamento do genérico e durante período de comercialização posterior. RESULTADOS: Os genéricos foram introduzidos, em média, com preços 40% menores do que os medicamentos de referência e esta diferença tendeu a aumentar ao longo do tempo. Comparando a diferença de preço do genérico em relação ao seu medicamento de referência observou-se aumento de 68% nos quatro anos seguintes ao seu lançamento. CONCLUSÕES: A introdução de medicamentos genéricos no mercado farmacêutico brasileiro contribuiu para a oferta de medicamentos a preços menores. Entretanto, a procura dos medicamentos genéricos não provocou redução dos preços da maioria dos medicamentos de referência.
Assunto Drug costs
Drug price
Pharmaceuticals preparations
Drugs, generic
Drug and narcotic control
Custos de medicamentos
Preço de medicamento
Preparações farmacêuticas
Medicamentos genéricos
Política de medicamentos
Idioma Português
Data 2006-06-01
Publicado em Revista de Saúde Pública. Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo, v. 40, n. 3, p. 444-449, 2006.
ISSN 0034-8910 (Sherpa/Romeo)
Editor Faculdade de Saúde Pública da Universidade de São Paulo
Extensão 444-449
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0034-89102006000300012
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0034-89102006000300012 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3139

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S0034-89102006000300012.pdf
Tamanho: 43.13Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta