Adaptação de lente de contato gelatinosa especial para ceratocone

Adaptação de lente de contato gelatinosa especial para ceratocone

Título alternativo Keratoconus special soft contact lens fitting
Autor Yamazaki, Ester Sakae Autor UNIFESP Google Scholar
Silva, Vanessa Cristina Batista Da Autor UNIFESP Google Scholar
Morimitsu, Vagner Autor UNIFESP Google Scholar
Sobrinho, Marcelo Autor UNIFESP Google Scholar
Fukushima, Nelson Autor UNIFESP Google Scholar
Lipener, César Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo PURPOSE: To evaluate the fitting and use of a soft contact lens in keratoconic patients. METHODS: Retrospective study on 80 eyes of 66 patients, fitted with a special soft contact lens for keratoconus, at the Contact Lens Section of UNIFESP and private clinics. Keratoconus was classified according to degrees of disease severity by keratometric pattern. Age, gender, diagnosis, keratometry, visual acuity, spherical equivalent (SE), base curve and clinical indication were recorded. RESULTS: Of 66 patients (80 eyes) with keratoconus the mean age was 29 years, 51.5% were men and 48.5% women. According to the groups: 15.0% were incipient, 53.7% moderate, 26.3% advanced and 5.0% were severe. The majority of the eyes of patients using contact lenses (91.25%) achieved visual acuity better than 20/40. To 88 eyes 58% were tihed with lens with spherical power (mean -5.45 diopters) and 41% with spherocylinder power (from -0.5 to -5.00 cylindrical diopters). The most frequent base curve was 7.6 in 61% of the eyes. The main reasons for this special lens fitting were due to reduced tolerance and poor fitting pattern achieved with other lenses. CONCLUSION: The special soft contact lens is useful in fitting difficult keratoconic patients by offering comfort and improving visual rehabilitation that may allow more patients to postpone the need for corneal transplant.

OBJETIVO: Relatar a experiência inicial com o uso de lentes de contato gelatinosas especiais para ceratocone. MÉTODOS: Estudo retrospectivo de 80 olhos de 66 pacientes usuários de lentes de contato gelatinosas especial para ceratocone, no Setor de Lentes de Contato da UNIFESP e em clínicas particulares. Os pacientes foram classificados de acordo com o grau de gravidade da doença pela avaliação ceratométrica. Foram coletados os seguintes dados: idade, sexo, diagnóstico, ceratometria, acuidade visual com a lente, equivalente esférico (ES), curvatura da lente e indicação para o seu uso. RESULTADOS: Foram estudados 80 olhos de 66 pacientes usuários de lente gelatinosa para ceratocone. A média de idade foi de 29 anos, sendo 51,5% homens e 48,5% de mulheres. De acordo com os grupos: incipiente: 15,0%, moderado: 53,7%, avançado: 26,3%, grave: 5,0%. A maioria dos olhos estudados (91,25%) apresentou acuidade visual melhor que 20/40 com a lente. Foram adaptadas 58% lentes de poder esférico (média de -5,45 dioptrias) e 41% lentes com grau esferocilíndrico (variando de -0,50 a -5,00 dioptrias cilíndricas). A curva esférica mais utilizada foi de 7,6 mm (61% dos olhos). As principais razões para a escolha e adaptação desta lente foram devido à intolerância e ao padrão de adaptação insatisfatório com outras lentes. CONCLUSÃO: A lente gelatinosa para ceratocone pode ser usada em casos de difícil adaptação, como uma opção para melhorar o conforto e possibilitar a reabilitação visual em pacientes que não obtiveram alternativas a não ser algum procedimento cirúrgico.
Assunto Contact lenses, hydrophilic
Visual acuity
Vision disorders
Corneal diseases
Keratoconus
Accommodation, ocular
Lentes de contato hidrofílicas
Acuidade visual
Transtornos da visão, Doenças da córnea
Ceratocone
Acomodação ocular
Idioma Português
Data 2006-08-01
Publicado em Arquivos Brasileiros de Oftalmologia. Conselho Brasileiro de Oftalmologia, v. 69, n. 4, p. 557-560, 2006.
ISSN 0004-2749 (Sherpa/Romeo)
Editor Conselho Brasileiro de Oftalmologia
Extensão 557-560
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27492006000400018
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0004-27492006000400018 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3216

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S0004-27492006000400018.pdf
Tamanho: 147.4Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta