Estudo da freqüência fundamental da voz de idosas portadoras de diferentes graus de perda auditiva

Estudo da freqüência fundamental da voz de idosas portadoras de diferentes graus de perda auditiva

Título alternativo Study of the fundamental frequency in elderly women with hearing loss
Autor Baraldi, Giovana dos Santos Autor UNIFESP Google Scholar
Almeida, Laís Castro de Autor UNIFESP Google Scholar
Calais, Lucila Leal Autor UNIFESP Google Scholar
Borges, Alda Christina Lopes de Carvalho Autor UNIFESP Google Scholar
Gielow, Ingrid Autor UNIFESP Google Scholar
De Cunto, Mauricio Raymundo Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Universidade de São Paulo (USP)
Resumo Increased life expectancy raises demands for special attention for the elderly population; speech, language and hearing science deals with their communication disorders. Hearing loss is a common disorder affecting this age group. It is known that the auditory feedback system is essential to human vocalizing, as it organizes voice production. AIM: To assess and correlate the hearing system and the Fundamental Frequency (F0) of women who have variable degrees of sensorineural hearing loss. MATERIAL AND METHOD: a cross-sectional descriptive study. 30 women with a mean age of 75.95 (SD = 7,41) were included. Inclusion criteria were: symmetric sensorineural hearing loss, a high-frequency sloping configuration, and a type A tympanogram. Subjects underwent Pure Tone Audiometry, a Word Recognition Test, Tympanometry, and Voice Assessment. RESULTS: Patients with higher degrees of hearing loss showed an increased fundamental frequency. CONCLUSION: In aged individuals with hearing loss, audiovocal monitoring is altered, resulting in voice parameter changes.

A deficiência auditiva, dentre outros, é um dos distúrbios mais referidos pela população idosa. Sabe-se que o sistema de feedback auditivo é primordial para o monitoramento dos parâmetros vocais, como a freqüência fundamenta. OBJETIVO: Correlacionar a audição e os valores de F0 (freqüência fundamental) da voz de idosas portadores de diferentes graus de sensibilidade auditiva. FORMA DO ESTUDO: Transversal descritivo. MATERIAL E MÉTODOS: Amostra de 30 idosas, idades média de 76,23, portadoras de audição normal ou perda auditiva neurossensorial descendente simétrica. Foram submetidas a anamnese, avaliação auditiva (audiometria tonal limiar, IPRF e imitanciometria) e avaliação vocal. Os resultados de ambas as avaliações foram correlacionados. RESULTADOS: A F0 da produção vocal de idosas com perda leve (144,44) foi significantemente menor que para perda moderada (160,3), moderadamente severa (188,23) e severa (201,27), tanto utilizando a classificação de grau da perda auditiva para freqüências baixas como altas. CONCLUSÃO: Quanto mais elevado o grau da perda auditiva, maior o valor de freqüência fundamental encontrado.
Assunto elderly
hearing loss
voice
idoso
perda de audição
voz
Idioma Português
Data 2007-06-01
Publicado em Revista Brasileira de Otorrinolaringologia. ABORL-CCF Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial, v. 73, n. 3, p. 378-383, 2007.
ISSN 0034-7299 (Sherpa/Romeo)
Editor ABORL-CCF Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial
Extensão 378-383
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0034-72992007000300013
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0034-72992007000300013 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/3704

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S0034-72992007000300013.pdf
Tamanho: 119.3Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta