Excesso de peso de escolares em região do Nordeste Brasileiro: contraste entre as redes de ensino pública e privada

Excesso de peso de escolares em região do Nordeste Brasileiro: contraste entre as redes de ensino pública e privada

Título alternativo Excess weight in children from Brazilian Northeast: difference between public and private schools
Autor Brasil, Lana Do Monte Paula Google Scholar
Fisberg, Mauro Autor UNIFESP Google Scholar
Maranhão, Hélcio De Sousa Google Scholar
Instituição Universidade Federal do Rio Grande do Norte Departamento de Pediatria Programa de Pós-Graduação em Ciências da Saúde
Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJECTIVES: to determine the prevalence of excess weight in schoolchildren from the city of Natal. METHODS: transversal study with 1927 children aged 6-11 from public and private schools in different zones in the city of Natal, in the State of Rio Grande do Norte, Brazil, and analyze related variables, such as gender, age-group, type of school and city zones. All scholars with a body mass index equal to or greater than the 85th percentile were considered as having excess weight. RESULTS: the prevalence of excess weight among the studied scholars was 33.6%. There were no significant differences between genders and age-groups. In the private schools, the prevalence of excess weight was 54.5%, while in the public schools, 15.6% (p<0.01; OR=6.49). The prevalence of excess weight was greater in schools located in the zones with the best quality of life, east-south zone (41.3%), if compared with schools in the north-west zone (28.4%) (p<0.01). CONCLUSIONS: the prevalence of excess weight in scholars was found high, demonstrating the importance of programs of treatment and prevention. The biggest prevalence in children studying in private schools and in children studying in schools located in the best zone of the city reflects the importance of association between the best socioeconomic levels and these entities in regions of developing countries.

OBJETIVOS: estimar a prevalência de excesso de peso em escolares na cidade de Natal. Métodos estudo transversal com 1927 crianças, de 6 a 11 anos de idade, de escolas públicas e privadas nas diferentes zonas da cidade de Natal, Rio Grande do Norte, Brasil. Foram analisadas as variáveis: sexo, faixa etária, tipo de escola e zonas da cidade. Foram considerados com excesso de peso os escolares com índice de massa corporal para sexo e idade igual ou superior ao percentil 85. RESULTADOS: o excesso de peso foi encontrado em 33,6% das crianças. Não houve diferenças significantes entre os sexos e faixas etárias. Nas escolas privadas, a prevalência de excesso de peso foi 54,5%; nas públicas, 15,6% (p<0,01; OR=6,49). Maior prevalência de excesso de peso foi encontrada nas escolas das zonas de melhor índice de qualidade de vida da cidade, isto é, zonas leste-sul (41,3%), quando comparadas às zonas norte-oeste (28,4%) (p<0,01). CONCLUSÕES: a prevalência de excesso de peso em escolares se mostrou alta, demonstrando a necessidade de programas de intervenção e prevenção. A maior prevalência nas escolas privadas, reforçada pelo mesmo achado nas crianças de escolas situadas nas zonas de maior poder aquisitivo da cidade, reflete a importância da associação entre os níveis socioeconômicos mais altos e o excesso de peso, sobretudo o sobrepeso, em regiões em desenvolvimento.
Assunto Prevalence
Obesity
Child
Prevalência
Obesidade
Criança
Idioma Português
Data 2007-12-01
Publicado em Revista Brasileira de Saúde Materno Infantil . Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira, v. 7, n. 4, p. 405-412, 2007.
ISSN 1519-3829 (Sherpa/Romeo)
Editor Instituto de Medicina Integral Prof. Fernando Figueira
Extensão 405-412
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S1519-38292007000400008
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S1519-38292007000400008 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/4008

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S1519-38292007000400008.pdf
Tamanho: 76.98Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta