Caracterização dos cuidadores de candidatos a transplante do coração na UNIFESP

Caracterização dos cuidadores de candidatos a transplante do coração na UNIFESP

Título alternativo Characterization of the patients' caregivers on the waiting list for heart transplant at UNIFESP
Autor Machado, Regimar Carla Autor UNIFESP Google Scholar
Branco, João Nelson Rodrigues Autor UNIFESP Google Scholar
Michel, Jeanne Liliane Marlene Autor UNIFESP Google Scholar
Gabriel, Edmo Atique Autor UNIFESP Google Scholar
Locali, Rafael Fagionato Autor UNIFESP Google Scholar
Helito, Renata Almeida Barros Autor UNIFESP Google Scholar
Buffolo, Enio Autor UNIFESP Google Scholar
Instituição Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP)
Resumo OBJECTIVES: To identify and describe the main caregiver of the patients on the heart transplant waiting list; to compare relevant information provided by patients and caregivers, and to classify the caregivers according to their dedication and efficiency in assisting the patient by correlating them to sociodemographic data. METHODS: Descriptive study performed from October 2004 to October 2005 at UNIFESP outpatient clinics. The study sample consisted of 21 patients and their caregivers. Data were collected through a structured interview. RESULTS: The main caregiver was a family member (95%), usually the spouse. There were 13 women (81%) and three men (19%). Patient age ranged from 24 to 65 years (mean 44.3). Patients were married (56%); catholic (43.8%); 29% have finished elementary school; 24% have finished high school; 14% have higher education; 68.8% have a regular job; and 81.4% had their own income. All caregivers lived in the same house as the patient. Once a score was established, the caregivers were classified as: good - 8 (50%); regular - 7 (43.7%); and bad 1 - (6.3%). The scores were correlated with education, professional activity, and income without any significant statistical correlation. CONCLUSION: It is important to determine the instruments to recognize and describe the caregivers. The caregiver is usually a family member (spouse), female, mean age of 44.3 years; has his/her own income and, most of the time, he/she is classified as good or regular, and no correlation was found with education, professional activity and income. Further studies with a larger sample should establish the relationship between the caregiver's role and the heart transplant outcomes.

OBJETIVOS: Identificar e caracterizar o principal cuidador dos pacientes candidatos a transplante do coração; comparar as diferenças entre as informações coletadas com os pacientes e cuidadores; e classificar os cuidadores segundo a sua dedicação e eficiência na assistência ao paciente, correlacionando-os aos dados sociodemográficos. MÉTODOS: Estudo descritivo realizado de outubro de 2004 a março de 2005, no ambulatório da UNIFESP, por meio de entrevista estruturada, com amostragem de 21 pacientes e seus cuidadores. RESULTADOS: O principal cuidador era membro da família (95%), na maioria das vezes, o cônjuge, sendo 13 (81%) mulheres e três (19%) homens, com idade variando de 24 a 65 anos (média de 44,3). Declararam-se 56% casados; 43,8% católicos; 29% cursaram o ensino fundamental, 24% completaram o ensino médio e 14% tinham nível superior. Atividade profissional era exercida por 68,8% e 81,4% possuíam renda própria. Todos os cuidadores residiam na mesma casa que o paciente. Estabelecido um escore, classificaram-se os cuidadores em oito (50%) bons, sete (43,7%) regulares e apenas um (6,3%) foi considerado ruim. Não encontramos correlação estatisticamente significante entre o escore e as variáveis escolaridade, atividade profissional e renda. CONCLUSÃO: É importante determinar os instrumentos para o reconhecimento e caracterização do cuidador. Neste estudo, identificou-se um familiar (cônjuge), do sexo feminino, com idade média de 44,3 anos, renda própria, classificados, na maioria, como bons ou regulares, não havendo correlação com escolaridade, atividade profissional e renda. Novos estudos complementares, com casuística maior, deverão estabelecer a relação entre o papel do cuidador e os resultados do transplante cardíaco.
Assunto Patient care
Family
Heart transplantation
Assistência ao paciente
Família
Transplante de coração
Idioma Português
Data 2007-12-01
Publicado em Revista Brasileira de Cirurgia Cardiovascular. Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular, v. 22, n. 4, p. 432-440, 2007.
ISSN 0102-7638 (Sherpa/Romeo)
Editor Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular
Extensão 432-440
Fonte http://dx.doi.org/10.1590/S0102-76382007000400009
Direito de acesso Acesso aberto Open Access
Tipo Artigo
SciELO S0102-76382007000400009 (estatísticas na SciELO)
URI http://repositorio.unifesp.br/handle/11600/4042

Mostrar registro completo




Arquivos deste item

Nome: S0102-76382007000400009.pdf
Tamanho: 98.89Kb
Formato: PDF
Descrição:
Visualizar/Abrir

Este item aparece na(s) seguinte(s) coleção(s)

Buscar DSpace


Navegar

Minha conta